Mais de seis dezenas de redes majoeiras apreendidas entre Espinho e o Furadouro

1033
Pesca da majoeira.
Smartfire 728×90 – 1

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Matosinhos, apreendeu 64 redes majoeiras entre as praias de Espinho e Furadouro, no distrito de Aveiro.

“A ação de fiscalização teve como objetivo o controlo da utilização das redes de tresmalho, vulgarmente conhecidas como redes majoeiras, que são permitidas no período entre 1 de outubro e 30 de abril de cada ano, com exceção dos sábados, domingos e feriados. Esta ação culminou com a apreensão de 64 redes majoeiras e de 30 quilos de pescado diverso, com um valor total estimado de 6 580 euros”, refere um comunicado da GNR.

O pescado apreendido, por não se encontrar próprio para consumo humano, foi doado ao Parque Biológico de Vila Nova de Gaia para alimentação animal.

“A utilização destas redes e a captura de pescado através deste meio, fora dos períodos legalmente fixados, constitui uma infração cuja coima pode atingir um valor máximo de 25.000 euros”, lembra a GNR.

Publicidade, Serviços & Donativos