Justiça: Sexagenário que alvejou mortalmente a filha conhece sentença no final do mês

801
Tribunal de Aveiro.
Dreamweb 728×90 – Video I

O Tribunal de Aveiro agendou para dia 26 deste mês a leitura do acórdão do julgamento de um sexagenário que alvejou mortalmente a filha.

O disparo de que foi vítima uma mulher de 43 anos ocorreu ao princípio da noite do último dia do ano de 2019, num acampamento de famílias de etnia cigana, em Válega, concelho de Ovar.

Na audiência de julgamento, o arguido, que está acusado de homicídio e posse de arma proibida, os factos imputados pelo Ministério Público.

As primeiras informações dadas após a ocorrência deram conta que o disparo terá sido acidental, quando o detido manuseava uma arma de de fogo do tipo caçadeira. Além de atingir na cabeça a vítima mortal, o disparo feriu, sem consequências de maior, o genro, de 52 anos.

O arguido permaneceu em liberdade a aguardar pelo julgamento.

Artigos relacionados

Autor de disparo mortal que atingiu filha entregue à PJ

Autor de disparo que atingiu mortalmente a filha saiu em liberdade

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.