“Jogo da roda”: 3 anos e meio de pena de prisão suspensa para mulher suspeita de burlas

417
Tribunal de Aveiro.

Uma mulher de 38 anos foi condenada pelo Tribunal de Aveiro, esta segunda-feira, a três anos e meio de cadeia, pena que ficou suspensa, por crime de burla na forma continuada. O coletivo de juízes deu como provado que se apropriou de 47.500 euros, que declarou perdidos a favor do Estado.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

A acusação do Ministério Público apontava para um conjunto de 23 burlas que teriam totalizado 565 mil euros, mas o tribunal apenas deu como provadas “cinco situações”, apesar de considerar que a mulher fazia dos ‘esquemas’ em causa “modo de vida para fazer face às suas despesas”.

Do acórdão resumido ‘caíram’, ainda, as acusações imputadas de crimes de falsificação e branqueamento de capitais “por falta de provas”.

Artigo relacionado

Aveiro: Suspeita de burla em “jogo da roda” começou a ser julgada

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.