Ílhavo com “capacidade financeira reforçada” para executar programa habitacional

399
Paços de Concelho, Ílhavo.

A Câmara de Ílhavo subscreveu, esta semana, em Coimbra, o ‘Termo de Responsabilidade e Aceitação’ com Governo que “desbloqueará no imediato” financiamento para a construção de habitação no concelho, a financiar pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). Estão em causa as candidaturas submetidas ao Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU) em dezembro de 2023, no âmbito do Programa 1.º Direito.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

Ílhavo terá acesso a 9 milhões de euros, que permitirão a construção de 72 novos fogos, dos identificados na Estratégia Local de Habitação (ELH) aprovada pelos órgãos municipais.

O financiamento é a 100%, estando previsto “um adiantamento relativo às candidaturas apresentadas em dezembro de 2023, remetendo a aprovação das mesmas, pelo IHRU, para uma fase posterior, permitindo que a execução dos projetos avance.” A Câmara assume “inteiramente a responsabilidade relativa ao cumprimento de todos os pressupostos exigidos”.

“Convicto da qualidade do trabalho realizado, será possível agilizar todos os procedimentos necessários para a realização dos projetos e das empreitadas que terão que estar concluídas até março de 2026”, adianta a autarquia, considerando que “a capacidade financeira de resposta é bastante reforçada.”

Com os termos de responsabilidade agora firmados, relativos a 72 fogos, o município tem já garantida a aprovação para 83 fogos, de um total de 155 candidatados, aguardando resposta às restantes candidaturas.

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.