Hospital de Ovar tem ‘via verde’ para tratar pneumonias

1123
Hospital Francisco Zagalo, Ovar.
Smartfire 728×90 – 1

Desde o final do ano passado que o Hospital Dr. Francisco Zagalo, em Ovar, conta uma via verde para tratar doentes adultos identificados com Pneumonia Adquirida na Comunidade (PAC), assegurando “um atendimento mais rápido”.

Os casos passaram a ter “prioridade na avaliação clínica e realização de exames auxiliares de diagnóstico, sendo atendidos de forma mais rápida para evitar evolução clínica desfavorável.” O doente poderá mesmo fazer a primeira toma de antibiótico em meio hospitalar.

“A implementação do protocolo de via verde PAC em adultos permite referenciar os doentes para avaliação neste hospital pelas unidades de saúde familiar da Barrinha, Laços, João Semana, São João de Ovar e Alpha”, refere um comunicado da unidade hospitalar.

O doente, caso não cumpra os critérios que o consideram clinicamente estável e necessite de internamento, será admitido no serviço de Medicina Interna do hospital, a partir da consulta externa. Se não houver vaga, o médico internista contactará o serviço de urgência do Hospital de São Sebastião, em Santa Maria da Feira, no sentido de enviar o doente para essa instituição.

Em Portugal 57,7 pessoas em cada 100 mil habitantes morreram por pneumonia, em 2015, de acordo com o relatório “Health at a Glance 2018”, publicado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE). A média da União Europeia foi de 28,1 mortes por 100 mil habitantes.