Homem detido por ameaçar e abusar sexualmente de mulher

1000
Viatura de patrulha da GNR.

O Tribunal de Santa Maria da Feira obrigou um homem suspeito de violência doméstica a ser controlado por pulseira eletrónica.

O agora arguido, de 46 anos, foi detido anteontem, em Oliveira de Azeméis, por militares do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vitimas Específicas de São João da Madeira da GNR.

“No âmbito de uma investigação pelo crime de violência doméstica, em que a vítima era ameaçada de morte com recurso a armas brancas, para além de sofrer abusos sexuais”, a Guarda deu cumprimento a um mandado, “que culminou na detenção do agressor e na apreensão de duas armas brancas, que supostamente utilizaria para cometer os crimes.”

O suspeito foi presente ao Tribunal Judicial de Santa Maria da Feira, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de obrigação de saída imediata da habitação, assim como de proibição de contactos por qualquer meio com a vítima, sendo controlado por meios eletrónicos (pulseira eletrónica).

Publicidade, Serviços & Donativos