GNR apreendeu mais de tonelada e meia de bivalves e pescada

2103
Apreensão pela GNR - Unidade de Controlo Costeiro.

A Unidade de Controlo Costeiro, através do Destacamento de Controlo Costeiro da Figueira da Foz, apreendeu ontem, nas localidades de Aveiro e Nazaré, apreendeu 1.050 quilos de crustáceos, 90 de bivalves e 520 quilos de pescada, no valor total de 11 mil euros.

O pescado seria encontrado no âmbito de uma operação de fiscalização rodoviária que foi direcionada para a captura e comércio ilegal de crustáceos, bivalves, proteção das espécies e segurança alimentar.

A GNR intercetou uma viatura que fazia o transporte de caranguejo mouro (carcinus maenas), de berbigão (cerastoderma edule) e amêijoa macha (venerupis pullastra) “sem que o condutor fosse detentor dos documentos que garantissem a sua rastreabilidade.”

Segundo uma nota de imprensa, após verificação da carga transportada apurou-se ainda que os crustáceos não tinham a medida mínima regulamentar de 5 cm para serem capturados e comercializados.

Numa outra ação de fiscalização ao transporte de pescado, foi apreendida a pescada, em virtude da mesma não possuir a medida mínima regulamentar de venda (27 cm).

A pescada, depois de submetida ao controlo higiossanitário por entidade competente, foi entregue a várias instituições de solidariedade, por se encontrar própria para o consumo.

Nestas ações foram identificados dois homens de 40 e 56 anos, e elaborados os respetivos auto de notícia por contraordenação.