Futebol distrital / Beira-Mar: Ricardo Maia antecipa “jogos de grau de dificuldade muito elevado” na fase de subida ao CdP

1319
Ricardo Maia, treinador do Beira-Mar.

“Melhor ter uma vantagem do que partir em desvantagem e é esse o cenário atual”. O treinador do Beira-Mar destaca a importância do desempenho da equipa na primeira fase do Campeonato Sabseg, zona sul, com 60 pontos amealhados (apenas seis perdidos, fruto de duas derrotas), permitindo iniciar o apuramento de campeão com mais seis pontos que o surpreendente Paivense, segundo classificado (as pontuações são, entanto, ‘quebradas’ a metade).

O sorteio dos jogos (todos contra todos) está agendado para dia 15 de fevereiro. Há apenas uma vaga para a promoção ao Campeonato de Porugal, que está reservada para o campeão.

“Acabamos da melhor forma, As 20 vitórias conquistadas são motivo de orgulho, sabendo que tudo isso agora vai ser reduzido na vantagem para os mais diretos rivais na luta pela subida”, afirmou Ricardo Maia após a receção ao Avanca, este domingo (2-0).

“A segunda fase vai ser uma competição onde estão as melhores equipas do norte e do sul. Temos um conhecimento importante dos nossos adversários, vamos ter um foco de atenção maior a partir de agora. Conheço bem as equipas e os treinadores, também eles sabem que vão competir contra um Beira-Mar muito forte na segunda fase, como provámos na primeira fase. Sabem que vão encarar uma equipa sempre ambiciosa, no sentido de somar o maior número de vitórias até atingir o objetivo final”, referiu Ricardo Maia a quem o clube aveirense atribuiu a missão de fazer a equipa regressar ao Campeonato de Portugal após a despromoção da época passada.

Os adversários inspiraram respeito. “Há muita competência, não diria que há mais a norte do a sul. Isso não acontece, mas há muita competência nivelada por cima. É importante a vantagem que temos mas também não nos dá absolutamente nada, vamos ter de agir de forma tão competente ou mais competente do que na primeira fase para atingirmos o nosso objetivo. São jogos de grau de dificuldade muito elevado, com equipas que ambicionam subir. Nós temos de ter uma postura séria, sem olhar para o lado, preparar a dimensão física e o ‘chip mental’. no qual vamos incidir mais”, antecipou o ‘mister’ aurinegro.

Discurso direto

“O plantel dá-nos garantias, não sendo muito extenso. Tem sido afetado por lesões. Não nos sentimos confortáveis em 21 ter quatro baixas. Já demos oportunidade de estreia a todos os jogadores e a presença de juniores. É possível que até ao final do mês possa chegar um ou outro reforço”– Ricardo Maia, treinador do Beira-Mar.

Classificação final das equipas apuradas para a fase de subida

SC Beira-Mar 60 (30)
SC Paivense 48 (24)
RD Águeda 45 (23)
CF União Lamas 44 (22)
Oliv. Bairro SC 44 (22)
Florgrade FC 39 (20)
FC Cesarense 35 (18)
CD Estarreja 34 (17)

Artigo relacionado

Camp. Sabseg / Norte: Ovarense perde seis pontos na secretaria e Paivense assume a liderança

Mais informações do Campeonato Sabseg.

Receção ao Paços de Brandão a contar para a Taça Distrital

Antes de retomar o campeonato, o Beira-Mar irá estar envolvido na Taça Distrital, com a receção ao Paços de Brandão a contar para a 5ª eliminatória (13 de fevereiro).

A 6ª eliminatória irá opor o vencedor do Beira-Mar – Paços de Brandão com quem ganhar o embate Juveforce – Fiães. Se passar, o Beira-Mar jogará novamente na condição de visitado a 20 de fevereiro.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.