“Fica um amargo de boca” – Nuno Manta, treinador do Feirense (A Bola)

570
Nuno Mata Santos, treinador do Feirense (Ag. Lusa).

Confirmada a primeira derrota do Feirense na Liga, após o golo de Jovane Cabral ao minuto 88’ que carimbou o triunfo do Sporting, Nuno Manta Santos não escondeu a tristeza por ver o empate fugir de forma tão tardia na partida.

“É sempre difícil sofrer um golo acabar o jogo, depois acabámos por ter pouco tempo para recuperar da desvantagem. De salientar a forma como nos apresentámos aqui. Fica um amargo de boca, depois da exibição que desenvolvemos, sofrer um golo ao cair do pano”, confessou o treinador dos fogaceiros, satisfeito com a prestação da equipa em Alvalade (ler artigo).