CDU recandidata António Nabais nas intercalares para a AF de S. Jacinto

653
António Nabais (CDU).

António Nabais, reformado da Força Aérea, volta a ser cabeça-de-lista da coligação CDU (PCP – PEV) nas eleições intercalares para a Assembleia de Freguesia de S. Jacinto agendadas para 13 de novembro.

“As eleições antecipadas naquela freguesia são resultado da gestão ruinosa com que o Partido Socialista serviu S. Jacinto e a sua população”, culminando na renúncia do presidente da Junta de Freguesia e a subsequente demissão dos restantes eleitos daquela força política, afirma um comunicado dos comunistas que apresentam novamente o seu atual único eleito nos orgãos autárquicos da localidade.

A CDU recorda que em 26 de setembro de 2021, “a população de S. Jacinto saiu à rua apelando à eleição da nova Assembleia de Freguesia (entre outros motivos), fazendo democracia e esperando, com naturalidade, num novo processo democrático e a eleição de um novo executivo pelo partido vencedor. Mas a oposição PSD/CDS (Aliança com Aveiro) assim não entendeu, desrespeitando a vontade popular e prolongando a agonia do executivo PS e prejudicando os interesses de S. Jacinto”.

A coligação PCP-PEV garante que tudo fez para que o ato democrático anterior “fosse respeitado” seguindo uma “posição de convergência e coerência com o património de intervenção na freguesia” da CDU, que é assumido “em defesa dos legítimos interesses da sua população, com destaque questões tão relevantes como a Habitação, os Transportes ou Saúde.”

A CDU diz que destacou-se ainda, ao longo dos últimos mandatos, “como a força política ímpar na exigência do cumprimento de todos os requisitos legais, quanto à apresentação e discussão das contas da freguesia.”

Nas próximas eleições, a os comunistas vão querer “afirmar o seu compromisso passado, presente e futuro de defesa dos interesses do povo e dos trabalhadores de S. Jacinto”, apresentando-se sob lema da “Trabalho, honestidade e competência”.

“A lista da CDU não se esconde sob compromissos opacos, sob projetos e interesses pessoais, económicos ou circunstanciais. É por S. Jacinto e pelo seu povo que a CDU se apresenta”, refere o comunicado, garantindo que António Nabais e os restantes candidatos defendem “uma gestão criteriosa e transparente das instituições e dos interesses públicos.”.

“Esta é uma candidatura que igualmente se distingue das demais pela contínua recusa de benefícios ou vantagens pessoais, no exercício de cargos públicos pelos seus candidatos”, conclui a coligação.

Artigos relacionados

Aveiro: José Ferreira Leite é o candidato do PS à presidência da Junta de S. Jacinto

“O presidente deu a sua palavra que fará tudo para nos ajudar” – Arlindo Tavares, recandidato a S. Jacinto (AcA)

 

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.