CBD e conduzir: Quanto tempo o CBD causa efeitos no corpo?

4015

Talvez por ser um composto de cannabis, existe ainda muito preconceito e a falta de informação rigorosa de que não é aconselhável consumir CBD, quando se vai conduzir.

Porém, tal como já foi comprovado por grandes instituições internacionais, como é o caso da OMS, ao contrário do cannabis, o CBD não é psicoativo, ou seja, terá na plenitude das suas capacidades motoras ao tomar CBD. Porém, durante quanto tempo o CBD fica no corpo, tendo efeitos terapêuticos?

Com o aumento de procura por canabidiol, muitos têm sido os estudos rigorosos para determinar exatamente qual é o tempo de duração que o CBD permanece no corpo humano. Ora, em 1991, o College of Pharmacy at the University of Arizona Health Sciences Center avançou com um estudo a 14 pacientes, tendo determinado que, apesar dos resultados variarem muito de acordo com a quantidade de consumo diário, se tomar 700 ml de óleo de CBD por dia, os efeitos do CBD no seu corpo variam entre 2 a 5 dias.
Porém, caso adicione de forma moderada produtos de CBD à sua dieta, no tratamento de dores localizadas ou até mesmo para o combate à ansiedade, o estudo realça que o canabidiol deverá permanecer, em média, no seu corpo 27 a 35 horas, acreditando-se ser essa a meia-vida (tempo que está no seu sangue) do CBD. Além disso, não esquecer de que a forma como consome o CBD (biodisponibilidade) irá determinar muitos os efeitos obtidos.

É seguro consumir CBD e conduzir?

Antes de mais, é importante realçar que a comercialização e consumo regulamentado, e de acordo com a lei portuguesa, é completamente autorizado. Porém, deverá sempre obter autorização médica de um profissional de saúde, até para que lhe possam ser prescrito produtos com base em CBD e que possam contribuir para o combate ao seu problema. De recordar, que a lei é clara: o consumo deCBD deverá ser para fins medicinais.
Tendo essa informação em mente, saiba que o CBD não é psicoativo, tendo apenas uma função medicinal no seu corpo. Por outras palavras, estará totalmente sóbrio para realizar as funções que necessitar, incluindo conduzir, cozinhar, entre outras. Não estará assim a colocar a sua vida em risco, nem tão pouco a dos outros.

CBD no combate à ansiedade: terá sintomas de abstinência?

Ao contrário do que acontece com o álcool – sendo este um problema geral na sociedade -, o CBD é uma escolha para o combate à dependência química e até mesmo aos sintomas de abstinência. Portanto, não só não irá “ressacar” com o CBD, como este composto de cannabis terá componentes para o ajudar na luta contra dependências químicas, que poderá ter.
Isto acontece pois, ao consumir CBD, tendo efeitos nos recetores canabinóides (CB1, CB2, TRPV, entre outros), estará a ativar esses mesmos recetores, que ajudam diretamente a reduzir a sensação de ansiedade, pânicos, ressaca, tendo também o efeito natural de reduzir a frequência cardíaca.

Lei do cannabis medicinal em Portugal é clara

Mesmo tendo só sido incluída no Diário da República em 2019, a verdade é que a lei portuguesa não permite que empresas, que não sejam testadas e autorizadas pelo INFARMED, possam comercializar cannabis medicinal, ou qualquer outro composto, como é o caso do CBD. Por isso mesmo, é que muitas pessoas têm sido identificadas e travadas na produção dessas plantas, que não vão de encontro com as leis portuguesas.
Logo, antes mesmo de pensar em incluir produtos de CBD na sua rotina, deverá perceber se essas empresas estão autorizadas, evitando ao máximo comprar esses compostos sem serem de entidades licenciadas e regulamentadas. Ora, consumir CBD e outros compostos é seguro e saudável, mas sempre dentro das leis e com autorização médica.

O Notícias de Aveiro tem canais próprios para informação institucional ou não jornalística, nomeadamente o canal ‘Comunicados’, assim como informação útil, promoções comerciais ou inclusão de referências publicitárias, como é o caso deste artigo, utilizando os canais ‘Iniciativas’, ‘Roteiro’ e ‘Aveiro Work Point’ »» ler estatuto editorial

Publicidade, Serviços & Donativos