Câmara de Águeda entrega Escadaria do Outeiro da Vila à população

2238
Escadaria do Outeiro da Vila (Foto CM de Águeda).
Dreamweb 728×90 – Video I

A Câmara Municipal de Águeda entregou à população a Escadaria do Outeiro da Vila, em Macieira de Alcôba, uma obra realizada no âmbito do Orçamento Participativo (OP) de Águeda e que custou 49.200 euros, num investimento integralmente suportado pelo Município.

Neste ato simbólico, no sábado passado, estiveram presentes Jorge Almeida, Edson Santos e João Clemente, respetivamente Presidente, Vice-Presidente e Vereador do Executivo Municipal, bem como a União de Freguesias (UF) do Préstimo e Macieira de Alcôba e alguns proponentes da obra.

A escadaria em madeira, um passadiço em zigue-zague, percorre o monte desde a Rua da Barreira até ao Outeiro da Vila, junto à capela de Nossa Senhora de Fátima.

Esta obra resulta – a exemplo do que aconteceu em Fermentelos, em Valongo do Vouga, em Recardães e Espinhel, em Aguada de Cima, em Macinhata do Vouga e nas demais freguesias do concelho – de propostas do OP, em que a Câmara delega a competência na Junta de Freguesia para a executar.

“As obras, para serem executadas, precisam de passar por um conjunto de processos administrativos e legais, que são muito exigentes quando tratados pelas Câmaras Municipais, pelo que ao delegar a competência nas Juntas de Freguesia, simplificam-se processos e acelera-se a realização das obras”, declarou Jorge Almeida, Presidente da Câmara de Águeda, frisando que estas intervenções são realizadas com a participação ativa e o investimento integral da Câmara Municipal.

O Município “transfere os meios financeiros e a Junta de Freguesia executa a obra”, num trabalho de parceria e colaboração que está a ser realizado com todas as Juntas e Uniões de Freguesia do concelho nesta área do OP e noutras, tendo sempre como pressuposto servir a população e responder às suas necessidade e anseios.

Nova edição do OP

A Escadaria do Outeiro da Vila foi um dos nove projetos recentemente concluídos no âmbito do OP e que vão ser entregues à população, em ações simbólicas previstas para breve.

“Continuamos a fazer as obras do OP”, disse Jorge Almeida, salientando que já foram feitas três edições deste programa e que em breve será lançada uma nova. “Em 2018, tínhamos três OP com 500 mil euros por ano e tínhamos menos de 500 mil euros de obra feita, o que quer dizer que faltava muito mais para fazer, mas as obras foram feitas”, disse o Presidente da Câmara de Águeda, sublinhando que a grande dificuldade, atualmente, está em “encontrar pessoas e empresas disponíveis para as fazer”.

“Não conseguimos fazer as coisas com a rapidez que muitas vezes queríamos e que até a nossa disponibilidade financeira nos poderia permitir”, defendeu, frisando que, com as parcerias específicas com as Juntas de Freguesia para a realização das obras, os projetos foram concluídos.

A escadaria agora entregue à população é, sublinha, “uma obra emblemática”, que está instalada num local que garante um novo acesso à parte alta de Macieira de Alcôba, “uma aldeia única, que é um ex-libris da parte serrana do nosso concelho” e “onde a vista é fantástica”, descreveu, convidando as pessoas a visitar o local e a fazer o percurso de caminhada.

Ernesto Marques e Isabel Silva, dois dos proponentes desta obra, expressaram a sua alegria de ver a escadaria pronta. “Sentimos a felicidade de ver aqui este empreendimento, que vem dar uma certa projeção e uma mais-valia a esta aldeia”, afirmaram. Pedro Vidal, presidente da UF do Préstimo e Macieira de Alcôba e também um dos proponentes, disse acreditar que a escadaria vai ser “mais um atrativo” para cativar visitantes à aldeia.

Refira-se que os outros proponentes desta obra foram Maria Leopoldina Penascais Pereira, Maria Clara Marques de Almeida e João Simões Lopes da Paz (já falecido).

Câmara de Águeda

Publicidade, Serviços & Donativos