Cadeia para trio reincidente no tráfico de droga

708
Guarda Prisional (arquivo).
Dreamweb 728×90 – Video I

O Tribunal de Aveiro condenou a prisão três pessoas residentes na Gafanha da Nazaré, Ílhavo, que foram julgadas por tráfico de droga.

As penas mais pesadas recaíram num casal, esposa e marido, respetivamente de seis anos e cinco anos e meio de cadeia, já com antecedentes, que foram denunciados à GNR por uma familiar próxima. Ambos encontram-se já detidos.

O terceiro acusado, o indivíduo que apoiava o tráfico de cocaína e heroína, fazendo de motorista no transporte da droga adquirida na cidade do Porto, a troco de produto estupefaciente, foi condenado a dois anos de cadeia, também efetiva, atendendo aos antecedentes.

Os homens foram apanhados na atividade de tráfico, que faziam normalmente vendendo a consumidores próximo da residência, quando beneficiavam de penas suspensas pelo mesmo crime.

Já a mulher encontrava-se na altura em liberdade condicional.

O tribunal não deu como provado que os arguidos recebessem como pagamento da droga objetos de valor, nomeadamente ouro ou equipamentos informáticos. Também não ficou provado que o marido da arguida vivesse exclusivamente dos rendimentos do tráfico.

Artigo relacionado

Mulher confessa tráfico de droga “mas não era para luxos”

Publicidade, Serviços & Donativos