Aveiro: Reunião de Câmara em Nossa Senhora de Fátima precedida de plantação de árvores

719
Nossa Senhora de Fátima, Aveiro.

A Câmara de Aveiro assinalará o Dia Mundial da Árvore e da Floresta, esta quinta-feira, com atividades de educação ambiental no parque ribeirinho da Pateira de Requeixo dedicadas aos alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico.

De acordo com uma nota de imprensa, o presidente da edilidade marcará presença ao início da tarde numa ação de plantação que ocorrerá num terreno situado na Rua Vale da Galinha, no Carregal. “Serão aí plantadas espécies florestais autóctones (carvalhos), por se tratar de árvores folhosas e de baixa inflamabilidade”, refere a autarquia.

O local de plantação “foi devidamente planeado em estreita parceria com a Junta de Freguesia de Requeixo, N.ª Sr.ª de Fátima e Nariz, e surge no âmbito da execução dos vários projetos de arborização e rearborização.
Serão abrangidas parcelas de terrenos rústicos propriedades da Junta de Freguesia “com o objetivo de sensibilizar as populações para a importância de reflorestar as áreas ardidas”.

Uma atividade anual que envolve as entidades que integram a Comissão Municipal de Defesa da Floresta organizada no âmbito do Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios.

A Câmara deseja “promover o envolvimento das diversas entidades que atuam na prevenção e defesa da floresta, permitindo que demonstrem, através da dinamização de atividades pedagógicas direcionadas a crianças, as suas funções no âmbito do setor florestal.”

Este ano, “o grande objetivo passa por sensibilizar e educar a população escolar para a importância da floresta, através do ensino aos mais novos de medidas de defesa da floresta contra incêndios, bem como as principais medidas de segurança e comportamentos que devem adotar em caso de incêndio rural.”

A Câmara faz coincidir as iniciativas do Dia da Árvore cm a reunião de executivo, pública, marcada para o salão polivalente de Nossa Senhora de Fátima, a partir das 17:00. A audição dos munícipes acontecerá pelas 18h30.

“A alteração prende-se com a opção política de realizar reuniões descentralizadas do executivo municipal e de comemorar o Dia da Árvore e da Floresta com a realização de uma reunião de Câmara numa das zonas do município mais afetadas pelos incêndios de 2017”, conclui o comunicado.

Publicidade, Serviços & Donativos