Aveiro prepara programa para evocar Mário Sacramento como homem da Cultura

487
Inauguração de placa evocativa do centenário do nascimento de Mário Sacramento, Aveiro.
Dreamweb 728×90 – Video I

O município de Aveiro vai organizar, em outubro, “um conjunto de eventos” para assinalar o centenário do nascimento de Mário Sacramento (7 de julho de 1920 – 27 de março de 1969), médico, inteletual e figura destacada durante a luta antifascista.

Anúncio feito hoje pelo presidente da autarquia local, antes de ser descerrada uma placa comemorativa da efeméride, que fica na Avenida Lourenço Peixinho, junto da entrada do edifício onde funcionou o consultório do homenageado na cidade de Aveiro.

Saiba quem foi Mário Sacramento

Segundo Ribau Esteves, o programa comemorativo, a ter lugar no renovado edifício Fernando Távora, com inauguração agendada para sexta-feira, será “muito centrado na dimensão de escritor”, bem como de outras figuras contemporâneas, como Vasco Branco, ceramista, pintor e cineasta, entre outras atividades.

“Escritor e político, ficou conhecido como médicos do pobres” lembra a placa alusiva a Mário Sacramento que a autarquia decidiu afixar para “referenciar uma boa parte da sua dedicação” à comunidade no local onde em 1957 abriu o seu consultório.

A família foi representada pelo neto Vasco Sacramento. “Agradecemos ao município esta lembrança e gesto de ternura. Não tive o privilégio de conhecer o meu avô. Um dos meus objetivos para este centenário, que a pandemia atrasou mas tenciono concretizar, é realizar um documentário que imortalize o testemunho das pessoas que privaram com ele, que começam a ser poucas. Acho que é urgente deixar um documento com esses testemunhos. Para o ano cá estaremos, se as condições o permitirem disse”, afirmou.

Publicidade, Serviços & Donativos