Aumenta número de camas no Albergue de Peregrinos

484
Albergue de Peregrinos Rainha D. Teresa.
Smartfire 728×90 – 1

Dado o número crescente de peregrinos a pernoitar no Concelho, o Município de Albergaria-a- Velha colocou mais oito camas, estilo beliche, no Albergue, passando o equipamento a disponibilizar um total de 29 camas.

O Albergue de Peregrinos Rainha D. Teresa foi inaugurado no dia 1 de abril de 2015 e implicou um investimento de cerca de 126 mil euros. Até ao passado mês de julho, tinham passado pelo equipamento 3115 peregrinos, a maioria estrangeiros. Em 2018, de abril a julho (no inverno o albergue está encerrado), estiveram alojados 515 peregrinos, um aumento de cerca de oito por cento em relação a igual período do ano passado. Para a Câmara Municipal, e evolução positiva do número de dormidas justifica um aumento do número de camas, de forma a acomodar, confortavelmente, as pessoas que escolhem o albergue para pernoitar.

O Albergue de Peregrinos Rainha D. Teresa é composto por três pisos. Na cave há uma garagem, uma zona de tratamento de roupa, uma arrecadação de mochilas e uma zona balnear com lava-pés e WC. No rés-do-chão, além da receção, o espaço contempla uma sala de convívio, uma cozinha comum, uma sala de tratamento e auxílio aos peregrinos e uma arrecadação de mochilas.

No 1.º andar, estão localizados os quartos, agora com 29 camas, bem como balneários femininos e masculinos. Finalmente, no exterior, há uma zona de lazer com duas mesas e um lava-louça.

O equipamento municipal está aberto nove meses por ano, encerrando no período de inverno, e é gerido pela Via Lusitana, uma associação que se dedica ao auxílio de peregrinos.

Município de Albergaria-a-Velha