Artesanato em verga e palha começa a ser raro, mas ainda se encontra na Feira de Março

743
Laurinda Ferreira, comerciante.
Smartfire 728×90 – 1

Laurinda Ferreira veio de Leiria para passar um mês na Feira de Março a vender artigos em verga, palha e madeira.

A comerciante já teve um estabelecimento, que fechou para se dedicar apenas à vida de feirante.

“Isto tudo é artesanato, começa a ser difícil de arranjar. Os artigos estão a subir um bocadinho de preço, porque há pouca gente a fazer, os novos não querem aprender”, contou.

A semana de chuva tirou algum ânimo, mas esta vendedora veterana da Feira de Março espera ainda receber muitos clientes à procura de cestos, alcofas, colheres de pau, entre tantos outros artigos de casa e decoração (ouvir declarações completas abaixo).

Mais informações: http://www.feirademarco.pt e https://www.facebook.com/FeiradeMarcoOFICIAL/

Feira de Março 2019 – Até 25 de abril.

Publicidade, Serviços & Donativos