Águeda: Edifício sede da ‘Comunidade de Energia Renovável (CER)’ lançado a concurso público

442
Edifício sede da 'Comunidade de Energia Renovável (CER)'.
Dreamweb 728×90 – Video I

A Câmara de Águeda aprovou o lançamento de um concurso público para a construção do edifício sede da ‘Comunidade de Energia Renovável (CER)’, que ficará localizado no Parque Empresarial do Casarão (PEC), integrando o conjunto de investimentos previstos no âmbito do projeto das Áreas de Acolhimento Empresarial de Nova Geração apoiadas pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

O procedimento tem um valor base de 2,76 milhões de euros (acrescidos de IVA) e a obra far-se-á previsivelmente no prazo de um ano.

Segundo a edilidade, a CER junta “um conjunto alargado de parceiros ligados ao PEC e à energia”. No mesmo edifício, será estabelecido um sistema integrado de gestão contra incêndios com a criação de uma equipa de prevenção e primeira intervenção, que prestará apoio ao dispositivo do sistema de proteção civil.

O edifício, de acordo com o projeto, terá três áreas distintas: a sede da CER (com dois gabinetes, sala e trabalho, auditório, instalações sanitárias e sala para baterias); um módulo de segurança contra incêndios (com sala de controlo, instalações sanitárias e vestiários/balneários, copa e garagem); e espaços comuns (recepção/portaria, copa/refeitório, instalações sanitárias, sala de servidores e arrumos). O edifício ficará preparado para a eventual construção de um segundo piso.

Estão contemplados investimentos diversos, como a instalação de painéis fotovoltaicos e uma estrutura de armazenamento de energia para autoconsumo, bem como a infraestruturação de uma ‘ilha de qualidade de serviço e estabilidade energética’, sistemas partilhados de abastecimento elétrico de veículos ligeiros e pesados e ainda reforço da cobertura de comunicações móveis (ligação de fibra ótica, instalação de contentorização, torre de comunicações 5G e antenas).

A CER é um dos projetos da Área de Acolhimento Empresarial do PEC, no âmbito do qual estão garantidos cerca de 20 milhões de euros a financiar a 100% no âmbito do PRR.

Artigo relacionado

Águeda: Câmara avança com expropriações para a ligação do PEC ao IC2

Águeda: Parque do Casarão com venda de lotes em curso

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.