Águeda coloca ligação a Aveiro como prioridade

4115
Paços de Concelho de Águeda.

O presidente da Câmara de Águeda reafirmou o empenho do executivo local na construção de uma nova ligação ao município vizinho de Aveiro, com a possibilidade, numa fase posterior,de garantir um acesso ao nó da Auto Estrada do Norte (A1), através de Mamodeiro.

Jorge Almeida prestava esclarecimentos em resposta a perguntas colocadas pelas bancadas do PSD e do PS durante a reunião extraordinária da Assembleia Municipal realizada esta sexta-feira à noite, em que foram ouvidos alertas de deputados para as pretensões de Anadia e Oliveira do Bairro em conquistarem ligações à A1.

O edil asegurou que a opção de Aveiro mantém-se de pé, apesar de ter sido estudada a hipótese de fazer o acesso à A1 há muito reivindicado pelas forças vivas aguedenses através de uma ligação mais a sul, por Anadia.

“Sabemos que do lado de Aveiro é muito complicado de colocar no terreno, está a ser trabalhado. O nosso traçado é curto e limpo” explicou Jorge Almeida, lembrando que a ligação está assumida “nas primeiras prioridades” da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (CIRA) para captar financiamento público.

A ligação Aveiro – Águeda chegou a ter lançamento de primeira pedra e depois seria incluida num pacote de concessões de auto-estradas, mas nunca saiu do papel.

Em fevereiro de 2017, o presidente da Câmara de Aveiro, e da CIRA, Ribau Esteves, lamentava que, apesar de existirem verbas disponíveis, o Governo não tivesse colocado a variante no primeiro pacote de obras anunciado para beneficar áreas industriais.