Águeda: Avaliação positiva do mandato

782
Campanha eleitoral autárquica, Águeda.

A oposição tem apostado na estratégia do desgaste, através de suspeições, casos e casinhos, em vez de dar a conhecer medidas e propostas, que pudessem ser debatidas em alternativa às avançadas pelo Executivo.

Por Samuel Caetano Vilela *

Na semana em que se completa o primeiro ano de mandato autárquico, a Comissão Política do PSD Águeda faz uma avaliação positiva do trabalho desenvolvido pelo Executivo da Câmara Municipal, liderado pelo enf. Jorge Almeida.

Em apenas um ano já foram concluídas ou estão em curso intervenções muito importantes para o concelho, o que é excelente se pensarmos que as eleições decorreram em pandemia e que, agora, somos todos confrontados com uma subida sem precedentes da inflação.

A estrutura local do PSD entende que, neste momento, um balanço do mandato deve incidir sobre a capacidade do município em cumprir com as suas atribuições, no dia-a-dia, e na preparação das condições necessárias à realização de intervenções mais estruturantes, com impacto nos médio e longo prazo, como as muitas intervenções que têm sido feitas na área da saúde e a aprovação da Estratégia Local de Habitação, que prevê a mobilização de 30 milhões de euros em investimento.

Já estão a avançar os preparativos para a construção do Eixo Rodoviário Águeda-Aveiro, que vai reforçar a conectividade e atratividade do nosso concelho.

No âmbito da preparação das Grandes Opções do Plano e Orçamento para 2023, a Comissão Política do PSD Águeda já tem agendada uma reunião com o Presidente da Câmara, para o próximo dia 12 de novembro, encontrando-se neste momento a acompanhar o processo.

Tenho mantido uma boa articulação com o Presidente e com os Vereadores ao longo do ano, assim como com os membros da Assembleia Municipal e os autarcas eleitos nas freguesias e o partido também tem vindo a aproximar-se e envolver-se cada vez mais.

A oposição tem apostado na estratégia do desgaste, através de suspeições, casos e casinhos, em vez de dar a conhecer medidas e propostas, que pudessem ser debatidas em alternativa às avançadas pelo Executivo.

Às vezes essa estratégia também acaba a ser alimentada por pessoas conotadas ao PSD, mas é importante não se confundam opiniões pessoais com posições oficiais, ou com as apreciações que são feitas por aqueles que realmente estão mandatados para falar em nome do partido.

* Presidente do PSD Águeda. A concelhia apoiou a recandidatura de Jorge Almeida, reeleito presidente da Câmara.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.