Acusados de traficar droga em silêncio no Tribunal de Aveiro

869
Tribunal de Aveiro.
Dreamweb 728×90 – Video I

Três arguidos que começaram a ser julgados, esta manhã, por tráfico de droga na zona de Albergaria-A-Velha remeteram-se ao silêncio no início do julgamento, no Tribunal de Aveiro.

Além de dois homens (pai e filho) e uma mulher está acusado um quarto indivíduo, irmão da arguida, que será julgado em processo separado.

O tribunal começou por ouvir declarações prestadas aquando do primeiro interrogatório judicial pelos acusados, que têm idades entre 22 e 70 anos, sendo residentes nos concelhos de Albergaria-A-Velha e Oliveira de Azeméis.

À tarde, o julgamento prosseguiu com a audição dos militares do Núcleo de Investigação Criminal GNR de Águeda que tiveram a seu cargo a investigação iniciada com a apreensão de droga a um arguido.

Os Guardas fizeram vigilâncias a entregas de droga e escutas telefónicas dos suspeitos durante alguns meses até à detenção dos arguidos ocorrida em finais de outubro de 2018.

Os arguidos vendiam o estupefaciente, principalmente, a partir de casa. Uma das quais, propriedade da mulher acusada, estava dotada de vídeovigilância que permitia ver quem se aproximava.

Aquando das buscas domiciliárias e a veículo, além de 471 doses de haxixe, foi apreendido um veículo, uma soqueira, uma arma de alarme, um gravador de um sistema de videovigilância, telemóveis (7), uma balança de precisão e 790 euros em numerário.

Publicidade, Serviços & Donativos