A sociedade civil e as mudanças na floresta em debate

696
Floresta (foto de arquivo).
Smartfire 728×90 – 1

“Como é que sociedade civil pode promover mudanças em relação à floresta?”. Este é o mote para a primeira edição das “Tertúlias pela promoção das florestas
Autóctones” que vai decorrer em Aveiro, a 21 de janeiro (21:30), na “Associação cultural Mercado Negro.

O desafio partiu do núcleo do movimento cívico Alvorecer Florestal de Aveiro. A conversa está marcada para dia 21 de Janeiro, pelas 21:30 na Associação cultural Mercado Negro.

Membros da da Associação BioLiving, que tem sede em Albergaria-A-Velha, e do grupo ‘Greenhouse – a plantar Aveiro”, que é dinamizado a partir de Cacia, estarão presentes para apresentar os seus projetos e trabalhos desenvolvidos.

“Será um momento de partilha e troca de conhecimento” moderado pelos representantes do Alvorecer Florestal de Aveiro, refere um comunicado.

A entrada é livre.

Grupos de ativistas

‘Greenhouse – a plantar Aveiro’: projeto de empreendedorismo social sustentável que visa a reflorestação de uma área ardida do concelho de Aveiro, para tal foram envolvidas todas as turmas da escola sede do Agrupamento de Escolas do Rio Novo do Príncipe. Ações de educação para a sustentabilidade e formação em matéria de conservação da natureza e da biodiversidade, ao nível formal e não formal.

BioLiving: associação sem fins lucrativos que se apresenta sob o mote “Natureza e Educação para Todos”. Os objetivos passam, entre outros, por promover a sustentabilidade; incentivar a cidadania ambiental e a participação pública na defesa dos valores naturais; dinamizar a economia social; promover a inclusão, a paz e a solidariedade, utilizando como mote a educação, os recursos naturais e a proteção da natureza; disponibilizar acompanhamento nas áreas da floresta, biodiversidade e educação ambiental; mas essencialmente demonstrar que a natureza é de todos e para todos.

Alvorecer Florestal: grupo dedicado à recuperação e gestão das florestas e bosques, criado após os incêndios dramáticos de 2016, com especial atenção à prevenção.