A magia é a arte de transformar o óbvio em invisível

330
Smartfire 728×90 – 1

Fomos confrontados com inúmeras solicitações para que a revista MONTANHAS MÁGICAS voltasse ao convívio de todos os que se interessam por estas Montanhas e por tudo aquilo que elas têm para oferecer.

João Carlos Pinho *

Estamos no território das Montanhas Mágicas e também a nossa revista ficou invisível durante algum tempo.

A ausência da revista não se deveu a qualquer fenómeno de artes mágicas, mas antes à necessidade de estabilizar o seu conceito e para que a entidade produtora da mesma pudesse aferir, junto dos leitores, a importância desta revista para a promoção e divulgação da natureza e da cultura das Montanhas Mágicas.

A promoção deste território continuou, durante todo o período de ausência da revista, em feiras de turismo, na realização de visitas ao território de bloggers e jornalistas que se interessaram de sobremaneira pela temática do turismo de natureza, entre outras ações promocionais.

Das diversas ações realizadas no território, importa salientar a EUROPARC Conference 2017 que trouxe ao mesmo 350 representantes de mais de 30 países, responsáveis políticos e representantes de parques naturais, que, para além de debaterem assuntos ligados à natureza e à vivência e fruição dos espaços naturais para fins turísticos, puderam constatar e dar testemunho de como são belas as montanhas do Centro-Norte de Portugal, e como a Carta Europeia de Turismo Sustentável, atribuída a este território em 2013, foi bem merecida.

Pese embora todo o trabalho promocional realizado, fomos confrontados com inúmeras solicitações para que a revista voltasse ao convívio de todos os que se interessam por estas Montanhas e por tudo aquilo que elas têm para oferecer.

A ADRIMAG aceitou o desafio da continuidade e avançou com a produção da revista alusiva às serras da Arada, Arestal, Freita, Gralheira e Montemuro – as MONTANHAS MÁGICAS

Celebramos, nesta edição de regresso, a magia do Natal, viajando pela cultura, pelas artes e ofícios, e pela gastronomia de montanha.

Iniciamos, também, uma sequência de entrevistas com os presidentes das Câmaras Municipais das Montanhas Mágicas – Arouca, Castelo de Paiva, Castro Daire, Cinfães, S. Pedro do Sul, Sever do Vouga e Vale de Cambra, enquanto dinamizadores e impulsionadores da marca territorial – MONTANHAS MÁGICAS

É bom estar de volta ao vosso convívio.

* Coordenador da ADRIMAG, editorial da revista MONTANHAS MÁGICAS Magazine nº13 – edição de Inverno. Consultar em http://www.adrimag.com.pt/images/stories/noticias/MAGazines/MontanhasMagicas-MAGazine_13-Web-Links.pdf