40 mil pessoas passaram pela ExpoBairrada

559
ExpoBairrada
Smartfire 728×90 – 1

Cerca de 40 mil pessoas passaram pelo Espaço Inovação, em Vila Verde – Oliveira do Bairro, nos cinco dias da ExpoBairrada, que deram a conhecer o que de melhor se faz no Coração da Bairrada, a nível industrial, comercial e agrícola, assim como também as principais atrações gastronómicas locais.

Duarte Novo, Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, entidade organizadora do certame, fez um balanço “extremamente positivo”, considerando que “a ExpoBairrada continua a crescer e a profissionalizar-se em termos de organização, com um especial enfoque na melhoria das condições para as empresas expositoras, que são a razão de ser desta iniciativa”.

A Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, inaugurou o certame no dia 5 de julho, testemunhando que “a ExpoBairrada se tem afirmado, ao longos dos anos, como uma montra privilegiada, como o espelho do dinamismo, do que melhor se faz neste Município, a todos os níveis, seja industrial, comercial, agrícola e cultural”.

Na cerimónia de abertura, a governante fez questão de salientar a importância dos fundos europeus para o desenvolvimento do país, referindo que “só em Oliveira do Bairro, e se somarmos os apoios do Portugal 2020 e do Programa de Recuperação e Resiliência, temos mais de 80 milhões de euros de investimento, grande parte dele de âmbito empresarial”. “É um Município que tem aproveitado, e bem, os fundos europeus, e tem usado, e bem, as verbas do Centro 2020”, acrescentou Ana Abrunhosa.

Relativamente à preocupação de Duarte Novo com a construção da linha de alta velocidade Porto/Lisboa, manifestada na mesma ocasião, a Ministra da Coesão Territorial referiu que “o governo vai continuar a reunir com todos os municípios que fazem parte desta linha, com vista a acomodar as possíveis adaptações e minimizar os impactos que esta obra causará”.

“Todos temos que ter consciência que uma pequena alteração de centenas de metros pode implicar centenas de milhões de euros de custos adicionais em viadutos e túneis, mas isso não impede que os autarcas façam o seu trabalho e apresentem as suas reivindicações, que serão escutadas e respeitadas, procurando o governo criar equilíbrios”, explicou Ana Abrunhosa.

Ainda segundo a governante, “parte significativa da linha funcionará em viaduto e em túnel e, portanto, os impactos no território serão sempre menores do que os da construção de uma auto-estrada”, reforçando que se se trata de um projeto “fundamental para o futuro e para o crescimento do nosso país, que irá promover a coesão territorial e a sustentabilidade ambiental”.

Relativamente a outra pretensão que o líder da autarquia de Oliveira do Bairro fez questão de salientar na sua intervenção, Ana Abrunhosa assumiu-se como “parceira na defesa de uma nova ligação à A1, que não é uma reivindicação de hoje, mas sim de há muitos anos, e que consta de um documento estratégico da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro”. “Contem com a Ministra da Coesão Territorial para trazermos cá outros membros do Governo, para podermos trabalhar também nesta reivindicação, que é legítima e essencial para o dinamismo e atividade económica dos nossos territórios”, acrescentou.

Por seu lado, Duarte Novo dirigiu-se aos “empresários, expositores, associações e demais participantes na ExpoBairrada”, referindo que “o vosso sucesso é a razão de ser deste certame e do nosso esforço em torná-lo, a cada ano, ainda melhor”. Na edição de 2023, “temos mais empresas, temos mais expositores e queremos que tenham mais negócio e crescimento”, acrescentou.

Sobre os objetivos para esta edição, o autarca explicou que quer que a ExpoBairrada “não seja mais uma feira, mas sim um espaço agregador de novas dinâmicas e emoções, promotor do nosso tecido económico, da nossa gastronomia e, nessa medida, um importante fator de atração turística, catalisador de negócios e da nossa economia”.

A edição de 2023 da ExpoBairrada, que se realizou no Espaço Inovação, em Oliveira do Bairro, entre 5 e 9 de julho, contou com 160 expositores e 15 restaurantes, três palcos, uma tenda de vinhos e espumantes, vários espaços de animação e equipamentos de diversão para crianças.
Pelo paco principal do certame passaram nomes como Nininho Vaz Maia, Mizzy Miles, Chico da Tina, Lon3r Johny, Mariza, Putzgrilla, Xutos & Pontapés, o projeto de DJs “Smells Like 90’s” e Tiago Bettencourt, acompanhado pela União Filarmónica do Troviscal.

O certame voltou a contar com o “Sê-lo Verde” do Fundo Ambiental, garantindo a implementação de medidas de valorização e promoção da responsabilidade ambiental, e assumiu-se com um “EcoEvento”, por via da parceria estabelecida entre o Município de Oliveira do Bairro e a empresa ERSUC.

Câmara de Oliveira do Bairro

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.