30 anos a fotografar pescadores da Torreira retratados em livro

949
"Quando o mar trabalha", de António Cravo
Smartfire 728×90 – 1

“Quando o mar trabalha”, a mais recente publicação de textos e fotos de António Cravo (ahcravo gorim), tem apresentação marcada para o dia 12 de agosto, pelas 21:00, na biblioteca da escola EB1 da Torreira, Murtosa.

“Dentro das páginas que formam este livro não vais encontrar ´arte fotográfica´ nem ´arte poética´, mas sim uma vida com muitas vidas, memória de muitas memórias”, refere o autor na introdução.

ahcravo gorim diz que “as palavras nada mais são do que ´falas´ prováveis das imagens” que registou das vivências das gentes da Torreira.

“Se num livro se pudessem semear lágrimas este tinha muitas páginas molhadas”, escreve sobre as memórias retratadas.

As imagens mais antigas serão de 1972 e as mais recentes de finais da década de 90.

Quase 30 anos de uma vida de 44 anos a fotografar homens e mulheres da comunidade piscatória da Torreira, entre o mar e a ria.

“Durante as semanas em que fui trabalhando neste livro conversei com as fotos, tratava-as pelo nome, revivi muito. Dentro das páginas que agora seguras há, neste momento, 41 amigos que já cá não estão – também falei com eles”, explica o autor.

“Obrigado gentes do mar da Torreira – merecieis mais, mas eu só dou o que tenho”, conclui ahcravo gorim em jeito de homenagem.