Vítima ameaçada para não fazer queixa de violência doméstica

676
Apreensão de armas (GNR).
Dreamweb 728×90 – Video I

A GNR identificou um homem, de 53 anos, residente em Arouca, pelo crime de violência doméstica.

“No âmbito de uma investigação por violência doméstica, foi possível apurar que o agressor ameaçava a vítima, uma mulher, de 42 anos”, refere uma nota de imprensa.

Segundo a Guarda, o suspeito “promoveu o silêncio da vítima com receio de represálias e da efetivação das ameaças”.

Depois, na continuação das diligências de investigação, “verificou-se que o agressor possuía armas de fogo, o que despoletou a apreensão de duas caçadeiras e 84 cartuchos, como medida cautelar”.

Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Santa Maria Feira.

Publicidade, Serviços & Donativos