UA: Uniforme que gera energia vence Prémio de Inovação das FA

846
Imagem FA.
Smartfire 728×90 – 1

Uma equipa de alunos de doutoramento da Universidade de Aveiro (UA) e investigadores do Instituto de Telecomunicações (IT) criou um uniforme militar que consegue gerar, armazenar e transferir energia.

Site UA.pt *

O projeto intitula-se “S.C.O.U.T.E. – Sistema de Conexão e Otimização de Uniformes para Transferência de Energia” e venceu o “Prémio de Inovação nas Forças Armadas 2023”.
Fotografia da equipa do DETI/IT que venceu o Prémio Inovação nas Forças Armadas 2023

O prémio, instituído pelo Estado-Maior-General das Forças Armadas, tem como objetivo incentivar a inovação e o desenvolvimento de soluções que possam beneficiar as Forças Armadas.

A equipa, que inclui alunos do Programa Doutoral em Engenharia Eletrotécnica (PDELE) e ainda um membro do exército português, criou um uniforme que utiliza materiais condutores flexíveis integrados no tecido para formar antenas, que permitem a transferência de energia e dados entre militares. Adicionalmente, o projeto propõe o uso de carregadores de energia por indução em certas áreas do uniforme e a utilização de energia derivada do ambiente ou do movimento do militar.

O prémio, no valor de dois mil euros, vai ser entregue numa cerimónia durante o Encontro Anual de Investigação e Desenvolvimento em Ciências Militares, no Instituto Universitário Militar, no dia 27 de outubro. Na cerimónia a equipa da UA vai apresentar o “Projeto S.C.O.U.T.E.” a todos os presentes.

Continuar para ler artigo completo.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.

Comercio 780