UA renova caminho de “afirmação institucional no panorama nacional e internacional”

1059
Universidade de Aveiro (campus).
Dreamweb 728×90 – Video I

O Conselho Geral da Universidade de Aveiro (UA) aprovou o Plano Estratégico da Universidade de Aveiro para o Quadriénio 2023-2026 que propõe os caminhos a seguir pela instituição de ensino superior no cumprimento da sua missão.

O orgão onde tomam lugar representantes dos professores, investigadores, estudantes, funcionários, bem como algumas personalidades externas nota que o documento orientador “revela um sentido de continuidade”

Quanto ao futuro para a universidade, são antecipados “problemas demográficos” que podem influenciar as inscrições futuras, “propondo atrair um maior número de estudantes de mais longe, não só a nível nacional como internacional”, bem como novos “públicos”, designadamente os que estão interessados “na requalificação e formação ao longo da vida”.

A UA, que tem escolas politécnicas nas cidades de Águeda e Oliveira de Azeméis, perspetiva a sua atuação também em torno de outros eixos principais, designadamente nas vertentes social, financeira e ambiental para a gestão do quadriénio, apresentando algumas “novas iniciativas”.

A necessidade de reforço da investigação será feita com a ajuda do programa Widening Participation and Strengthening the European Research Area e maior cooperação empresarial.

No plano ambiental, a Universidade “pretende contribuir para a neutralidade carbónica com o objetivo de reduzir a sua pegada em 10%” durante estes quatro anos.

O plano estratégico é visto pelo Conselho Geral, a que preside o empresário António Oliveira, como “muito consistente, claro e bem estruturado”, dando “boas perspetivas” da UA seguir “num caminho seguro de afirmação institucional no panorama nacional e internacional.”

Ideias propostas no plano estratégico

“Entre os anos letivos de 2019/20 e 2020/21, o número de estudantes portugueses provenientes de fora do distrito de Aveiro ultrapassou o número de estudantes portugueses com origem no distrito de Aveiro. A dominância regional está a dar lugar à dimensão global”;

“A evolução prevista para a composição da comunidade académica mostra a importância estratégica de aumentar a capacidade de alojamento e de reabilitar a oferta existente”;

“O ‘continUA – Centro de Aprendizagem ao Longo da Vida’ será a estrutura com papel fundamental para a criação de sinergias entre as várias unidades orgânicas, como para o desenvolvimento de novas ofertas e captação de novos públicos”;

“O mecenato pode contribuir de forma importante para a intensificação da atividade da universidade. A criação de um fundo autónomo permitirá abrigar financiamentos futuros no âmbito do mecenato, a bem do exercício da missão da Universidade.”

Plano Estratégico da Universidade de Aveiro 2023-26.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.