Três cuidados a ter ao pedir crédito online

858
Imagem genérica.
Dreamweb 728×90 – Video I

O facilitismo do crédito online pode ser aliciante, especialmente quando tem despesas urgentes. Mas é importante conhecer os cuidados a ter com os pedidos de crédito digitais.

Durante anos, a burocracia envolvida na contratação de um crédito era uma verdadeira dor de cabeça. Além das longas horas no balcão de um banco, tinha o trabalho de preencher papelada e reunir documentação que nem sabia ser necessária.

Felizmente, a tecnologia evoluiu e o mercado soube adaptar-se. Hoje em dia, já é possível pedir crédito online e ter um financiamento mais célere.

Isto é especialmente verdade quando falamos do crédito pessoal online. Trata-se de um produto mais simples e menos burocrático, pelo que algumas entidades conseguem garantir aprovação em apenas algumas horas ou, até mesmo, minutos.

Mas se é verdade que a digitalização facilitou a contratação de empréstimos pessoais, também é uma realidade que este cenário obriga a cuidados redobrados. Afinal, o online pode abrir a porta a perigos que não devem ser ignorados.

Como Evitar Problemas Ao Pedir Crédito Pessoal Online?

Os simuladores online e a assinatura digital permitem hoje a obtenção de créditos pessoais de forma bastante cómoda para o consumidor. A verdade é que o online pode mesmo ser a solução ideal para clientes e bancos, mas exige alguma precaução.

Escolha uma entidade registada

Infelizmente, não são estranhos os casos de burlas e fraudes relacionados com crédito pessoal online levadas a cabo por entidades não registadas. O próprio Banco de Portugal (BdP) mantém esta situação debaixo de olho e informa sempre que encontra instituições a comercializar crédito sem autorização para o fazer.

Para evitar o risco de ser enganado, deve recorrer apenas a entidades autorizadas pelo BdP. Desta forma, consegue um financiamento online seguro.

Não se esqueça de comparar

Um dos maiores erros que pode cometer ao pedir um crédito é não fazer comparações.

Não deve resignar-se com a primeira proposta de financiamento que recebe. O mais sensato será obter várias ofertas, de diferentes entidades, e comparar as condições de cada uma delas para perceber qual a melhor para si.

Só assim saberá qual a mais barata e com as condições mais adequadas à sua situação. Caso precise de ajuda, pode falar com um intermediário de crédito autorizado, já que estas instituições estão aptas a fazer todas as comparações para o aconselhar.

Analise a FIN

A FIN é um documento fundamental que lista todas as condições de uma proposta de financiamento. É na FIN que encontra todas as taxas, comissões e outros encargos associados a um crédito pessoal.

Assim, qualquer custo que não tenha sido mencionado pela entidade financeira, estará certamente descrito neste documento.

Não se esqueça de analisar atentamente a TAEG e o MTIC, uma vez que são essencialmente estes elementos que ditam o custo do crédito.

Publicidade, serviços e donativos

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços em NotíciasdeAveiro.pt.

Aceder a plataforma online.

O Notícias de Aveiro tem canais próprios para informação não jornalística como é o caso deste artigo »» ler estatuto editorial.