Saúde Mental: Um Direito Humano Universal

642
Saúde mental (imagem gráfica).

Não se deve reduzir a compreensão de toda a vida mental apenas ao cérebro, no entanto, ele é o órgão mais nobre e o que permite que tenhamos consciência, pensamento e emoções. Esta afirmação enfatiza a importância do cérebro como órgão central na nossa saúde mental. Quando o cérebro adoece, é natural que a nossa saúde mental seja afetada.

Por João Vian *

A relação entre a saúde mental e as doenças neurológicas é um campo de estudo em constante evolução. Condições como a doença do Alzheimer, os Acidentes Vasculares Cerebrais (AVC) e a doença de Parkinson estão frequentemente associadas a perturbações de saúde mental, incluindo depressão e ansiedade.

Um dos desafios enfrentado pelas pessoas com doença saúde mental é o acesso a cuidados de saúde. Nisto, o CNS – Campus Neurológico, centro português dedicado a doenças neurológicas, adota uma abordagem interdisciplinar, personalizada, para o tratamento da saúde mental, envolvendo várias especialidades médicas, psicólogos clínicos, terapeutas ocupacionais, fisioterapeutas e outros profissionais de saúde. Esta abordagem permite focar as necessidades específicas de cada doente e potenciar a eficácia do tratamento através da combinação de intervenções terapêuticas (medicação, psicoterapia, exercício e outras intervenções).

Além da luta constante por uma prestação de cuidados adequados, o estigma em torno da saúde mental continua a ser um obstáculo persistente. Muitas pessoas ainda enfrentam discriminação e preconceito quando procuram ajuda para a saúde mental, o que por vezes pode desincentivar a procura de ajuda especializada. Este tipo de obstáculos deve ser evitado através de uma abordagem aberta e descomplicada em relação a este tema, isto é, encarando a saúde mental como parte integral do nosso bem-estar geral e não como algo a ser ignorado ou escondido. Isto é precisamente o que nos diz o lema do Dia Mundial da Saúde Mental: “a saúde mental é um direito humano universal”.

Neste Dia Mundial da Saúde Mental, assim como em todos os dias do ano, é fundamental reconhecer a importância da saúde mental para todos. Deve existir um trabalho conjunto para promover o cuidado e o respeito pela saúde mental. À medida que a investigação científica continua a desvendar os mistérios da saúde mental e a sua relação com o cérebro, devemos lembrar que todos vamos lidar com problemas de saúde mental, seja connosco mesmos ou com aqueles mais próximos de nós.

Esta perspetiva sobre a saúde mental e as doenças neurológicas lembra que somos seres complexos e interligados, e que o cuidado com o cérebro é essencial para a nossa saúde mental e bem-estar geral.

* Médico psiquiatra no CNS | Campus Neurológico.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.