Ribau Esteves apela ao Governo para que “faça o que é necessário e não se afunde na espuma dos dias”

1203
Sessão solene do feriado municipal de Aveiro (2024).
Dreamweb 728×90 – Video I

O presidente da Câmara de Aveiro aproveitou o discurso do feriado municipal assinalado a 12 de maio, que é consagrado religiosamente a Santa Joana, para renovar o seu empenho na gestão municipal até ao final do mandato, em 2025, e para que seja dado seguimento pelo elenco que sair das próximas eleições autárquicas.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

“Garantimos a manutenção de uma elevada intensidade de trabalho até ao final do mandato autárquico, com rigor, transparência e proximidade, trabalhando também para que esta dinâmica e capacidade de gestão bem experimentada, seja continuada de 2025 em diante para benefício dos cidadãos do município de Aveiro”, referiu Ribau Esteves.

Na sessão solene o autarca deixou, também, dois “pensamentos”. Um sobre o momento de governação do País, “garantindo toda a cooperação” numa altura em que o país e o município “têm necessidade urgente de um Governo bom e corajoso, que materialize reformas e induza crescimento económico e coesão social”. Nesse sentido, pediu ao elenco liderado por Luís Montenegro “que faça o que é necessário e não se afunde na espuma dos dias, nem se perca em estéreis disputas de protagonismo e de politiquice que infelizmente acontecem todos os dias na atual Assembleia da República, com protagonistas das cores mais antagónicas na luta por liderarem a oposição e a atrapalhação a quem governa”. Entre os “muitos problemas pendentes no município e na Região de Aveiro”, relembrou “a urgência da obra de ampliação e qualificação do Hospital Infante D. Pedro, de Aveiro, com Centro Académico Clínico, e a criação do Curso de Medicina na Universidade de Aveiro.”

Ribau Esteves deixou um segundo “pensamento” sobre a Europa, esperando dos seus lideres que sejam “mais competentes na implementação das reformas necessárias” nas várias áreas, no alargamento a outros Países “adiado há tempo demais” e uma “muito melhor articulação entre a sua capacidade económica, o seu músculo político e a estrutura militar de defesa cada vez mais importante, que é a Organização do Tratado do Atlântico Norte”, nomeadamente, para a defesa da Ucrânia da Rússia. Sobre as eleições europeias, o edil disse ser “muito importante reforçar o centro político europeu, representado pelo Partido Popular Europeu e pelo Partido Socialista Europeu, cuidando de evitar problemas graves de ingovernabilidade das instituições da União Europeia no caso de ocorrer forte crescimento dos extremismos.”

Discurso completo do presidente da Câmara de Aveiro no Dia da Cidade 2024

Dia da Cidade de Aveiro, sessão solene de 2024.

A sessão solene do feriado municipal serviu, como é habitual, para a entrega de distinções honoríficas a instituições e personalidades. Este ano, as condecorações foram para a Marinha Portuguesa, Fernando Marques (autarca), António José Vassalo Neves Lourenço (maestro)  e João Alberto Jaime Banca (marnoto).

Discurso direto

“As políticas de cidade podem ser um importante contributo para os objetivos coletivos europeus na área das alterações climáticas. Certamente haverá ajustamentos a operar na politica europeia do “green deal”. Mas qual é o posicionamento de Aveiro perante este importante desafio da Europa? Que Aveiro queremos? Uma cidade na vanguarda das cidades limpas, que reciclam, que têm uma mobilidade amiga do ambiente, que apostam na digitalização ou uma cidade que desconfia de tais políticas verdadeiramente transnacionais e até transeuropeias?
Aprovámos muito recentemente na Assembleia Municipal o Plano para as Alterações Climáticas mas este desafio é colocado não só ao município mas a múltiplas instituições, empresas, associações e cada um de nós, cidadãos.
Reconheçamos que o município aproveitando e bem os apoios europeus, tem dados passos concretos: O lindo Ferry Salicórnia que nos transporta para S. Jacinto diminuindo 350 toneladas de CO2; os 14 autocarros elétricos que vamos vendo como parte de uma renovada oferta de transportes urbanos; a eficiência energética no edificado novo; a introdução da recolha seletiva de bioresíduos, só para dar alguns exemplos.
Estes e outros exemplos só nos devem animar e inspirar a continuar esse caminho em torno de uma Aveiro cada vez mais “cidade verde” e muito há a fazer tal a dimensão dos desafios.” – Luís Souto, presidente da Assembleia Municipal de Aveiro (Ler discurso completo).

Almirante Gouveia e Melo, Chefe do Estado-Maior da Armada.

“Os tempos que se avizinham são perigosos. Ignorá-los não é uma opção. Estamos perante um momento de dois polares, a nossa segurança e prosperidade, a NATO e EU respetivamente, poderão vir a ser submetidas às maiores provações e testes de stress. Portugal deve ter em conta que na sua posição geoestratégica, apesar de aparentemente afastado da linha da frente de batalha, não poderá ignorar as tempestades que se aproximam. Teremos que reagir enquanto sociedade, sair do comodismo e indiferença, de uma certa preocupação inconsequente em que nos encontramos. A defesa dos nossos interesses, das nossas vidas, exige mais do que nunca uma atitude ativa e vigilante. Perscrutemos um plano efetivo percebendo que o conflito da Ucrânia é decisivo para a segurança europeia, que importa desenvolver um forte complexo militar industrial europeia, olhar para o recrutamento generalizado e reforçar de vez o pilar europeu da NATO, na certeza que o ‘chapéu protetor’ dos EUA será posto em causa pelos desafios que enfrentam. Dissuadir será sempre melhor e mais económico do que combater. Por agora não haverá manteiga nas nossas mesas sem canhões que a garanta. Na Marinha, importante perceber, pela primeira vez em muitos anos, a possibilidade de entrar em operações é bastante considerável. A Marinha estará à altura dos acontecimentos, esteja Portugal também ” – Almirante Gouveia e Melo, Chefe do Estado-Maior da Armada.

(em atualização)

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.