Ribau aplaude “evolução” do PS ao aceitar delegação de competências

803
Museu de Aveiro.

O presidente da Câmara não deixou passar em claro a aprovação, por unanimidade, de uma proposta para a autarquia acolher competências na área da cultura que foram propostas pelo Governo no pacote de descentralização.

Ribau Esteves entendeu deixar uma declaração de voto para vincar o seu “regozijo” pelo sentido de votação do PS no seio do executivo, permitindo a “aceitação unânime” de tarefas até agora nas mãos da tutela.

O edil notou “a evolução” dos socialistas atendendo à oposição feita ao processo que culminou em julho de 2015 com o contrato interadministrativo delegando no município a gestão do Museu Santa Joana.

“Depois de termos sofrido tantas críticas, de tanta gente, nomeadamente do PS, com grande veemência, porque entendia que o museu iria ser despromovido, é com gosto enorme que assinalamos esta evolução”, declarou Ribau Esteves, entendendo a votação como “um sinal claro que estamos a gerir bem e fizemos bem integrando estes valores num quadro de oferta turística”.

Do mais recente pacote de diplomas de descentralização, a autarquia decidiu não aceitar competências na área da proteção e saúde animal nesta fase, por aguardar a contratação do médico veterinário.

Comunicado da Câmara de Aveiro – delegação de competências

Publicidade, Serviços & Donativos