Ovar / Teatro: Residência artística em confinamento apresenta “Pedras na boca”

365
Pedro Damião, residência artística em Ovar.

Pedro Damião apresenta, esta segunda-feira, às 19:00, um primeiro momento da residência artística “As Palavras Estão Gastas. Porque Não Calarmo-nos de Vez?” que preparou durante as semanas de confinamento a convite do pelouro de Cultura da Câmara de Ovar.

“Pedras na boca” conta com a participação especial de alguns alunos do curso de interpretação da Escola Profissional de Artes Performativas da Jobra e irá ser transmitido online a partir do Museu Júlio Dinis, num directo que pode ser seguido na página de Facebook Ovar/Cultura.

Pedro Damião nasceu em Ovar. Tem o curso de Interpretação da Academia Contemporânea do Espetáculo (Porto). Entre o teatro e participações regulares nas séries e telenovelas dos vários canais, acaba de gravar o filme “1618” com a realização de Luís Ismael. Tem trabalhado em companhias como Teatro do Bolhão, Mau Artista, Teatro das Beiras, Art’imagem, Público Reservado, entre outros. Leciona a disciplina de Interpretação na Escola Profissional de Artes Performativas da Jobra.

Publicidade, Serviços & Donativos