Oliveira do Bairro: Atividade para seniores celebra Dia Mundial da Rádio

258
Estúdio da Radiolândia, Oliveira do Bairro.

A Radiolândia – Museu do Rádio, localizada em Bustos, vai celebrar o Dia Mundial da Rádio (13 de fevereiro) com a atividade “Despertar Memórias”, dirigida à população sénior, que se vai realizar entre os dias 11 e 15 de fevereiro.

De forma a realçar a importância da rádio, enquanto meio de comunicação social, esta atividade vai recuperar as memórias do programa da Rádio Renascença “Despertar”, que se tornou num dos maiores, senão o maior, fenómeno da rádio em Portugal.

Inspirados pelo programa do “grande” António Sala, a Radiolândia vai proporcionar aos seniores a oportunidade de participarem, como locutores ou ouvintes, num programa realizado no seu estúdio de rádio, de forma divertida e descontraída, despertando memórias dos anos 80. A gravação de cada programa, realizado em cada sessão, que se vão realizar às 10h30 e 14h30, ficará nos arquivos do museu.

A participação na iniciativa é gratuita e as inscrições podem ser feitas junto da Rede de Museus de Oliveira do Bairro, através do número de telefone 939 951 072, ou do e-mail museus@cm-olb.pt, até ao dia anterior de cada sessão.

Sobre a Radiolândia – Museu do Rádio

Inaugurado em 2017, a Radiolândia – Museu do Rádio está instalada junto à antiga Escola Primária da vila de Bustos, no Concelho de Oliveira do Bairro.

O museu surgiu da vontade do Município de Oliveira do Bairro em criar um espaço para albergar e musealizar um rico e vasto conjunto patrimonial, que serve de base a um local totalmente dedicado à temática do rádio, pensado para servir a comunidade, promovendo a cultura e a educação junto de todos os que o visitem.

O museu tem como base a riquíssima coleção privada de Manuel Silva, natural de Bustos, que reúne alguns dos rádios mais raros e importantes do passado século XX, num vasto acervo que engloba também muitos outros aparelhos oriundos de diversas proveniências e diferentes doadores, o que constitui um espólio absolutamente único e de reconhecimento internacional.

O equipamento herdou o nome de Radiolândia, designação da antiga loja de comércio de rádios, propriedade de Manuel Silva, perpetuando a memória de um local que faz parte da história do concelho de Oliveira do Bairro, que tanto contribuiu para o desenvolvimento de Bustos e que nos dias de hoje volta a ganhar vida.

Em 2018, a Radiolândia – Museu do Rádio foi um dos cinco nomeados para o prémio “Museu do Ano” da Associação Portuguesa de Museologia e recebeu uma Menção Honrosa na categoria “Colecionador”, premiando, em particular, a extraordinária coleção privada de Manuel Silva.