Ol. de Azeméis: Requalificação do antigo Sindicado dos Vidreiros em concurso público

1087
Antigo Sindicato dos Vidreiros do Norte (foto do site Azemeis.net)
Dreamweb 728×90 – Video I

O município de Oliveira de Azeméis lançou a concurso público a requalificação do edifício do antigo Sindicato dos Vidreiros do Norte.

Segundo o anúncio publicado em Diário da República, o objeto da empreitada consiste nos trabalhos necessários à requalificação do imóvel “para o transformar em Laboratório de Imagem.”

O valor do preço base do procedimento é de 146.700 euros.

Já o prazo previsto para a execução da obra é de 180 dias.

O edifício histórico, localizado em Bustelo, propriedade municipal, vai ser usado como “espaço fotográfico ligado ao processo e à indústria do vidro”.

O projeto de requalificação foi entregue ao arquiteto Rui Lopo, tendo envolvido um investimento de quase 10 mil euros.

Oliveira de Azeméis tem grande tradição vidreira. Em 1528 foi estabelecida na Quinta do Côvo “uma das primeiras e mais duradouras fábricas de vidro do nosso país”, a Fábrica de Vidro do Côvo.

Desde o século XVI e até à década de 90 do século XX, outras proliferaram na localidade, destacando-se o Centro Vidreiro do Norte de Portugal, que “foram o núcleo de importantes atividades produtoras, levando a todos os pontos do país vidros de grande perfeição e utilidade.”

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.