Nova direção da AAUAv pede atenção especial ao “sofrimento psicológico” dos estudantes

1210
Wilson Carmo, presidente da AAUAv.
Dreamweb 728×90 – Video I

O aluno Wilson Carmo assumiu a liderança da Associação Académica da Universidade de Aveiro (AAUAv), esta sexta-feira, após um ato eleitoral “que refletiu a confiança e apoio” ao projeto apresentado à academia.

O sucessor de António Alves destacou na tomada de posse a participação de mais de 3 mil estudantes na votação da lista única concorrente aos orgãos sociais. “Fizemos história”, enfatizou.

Artigo relacionado

Wilson Carmo eleito presidente da Associação Académica da UA

Comparando com as médias da abstenção dos últimos anos, o ato eleitoral registou “uma quebra significativa”. Em 2022, verificou-se o maior número de votos a favor, como a maior percentagem a favor de sempre.

O estudante de Mestrado em Gestão e Biomedicina Molecular tira duas conclusões: “é sinónimo de um crescimento da academia, com maior afluência às urnas”, mas também, e “mais o importante”, reflete “a crescente confiança no movimento associativo e do papel preponderante que tem na definição do ensino superior e do ecossistema que o envolve”.

O novo presidente assegurou que a direção será “sempre independente”, sem se “deixar manipular por qualquer força externa, seja de que natureza for”, para “trabalhar em prol do ensino superior para todos”.

 “Saúde mental” é “pedra basilar” no conjunto das preocupações académicas

Uma “pedra basilar” da agenda das preocupações da nova equipa é ter “um olhar atento” ao “bem estar, nomeadamente saúde mental” dos estudantes. “Infelizmente, a nossa academia e o ensino superior no seu geral tem sido reflexo de vários casos graves”, alertou Wilson Carmo, defendendo a mobilização da instituições e outras entidades para acautelar o “sofrimento psicológico” que afeta, sobretudo, alunos do terceiro ciclo de estudos superiores.

Outras ‘bandeiras’ da nova direção passam por promover a “inclusão e aceitação social” numa universidade com mais 90 nacionalidades e estudantes com necessidades especiais e conseguir o estatuto de dirigente associativo para os membros dos núcleos, “o verdadeiro motor” da AAUAv, bem como afirmar “a marca” da maior associação do concelho, com a abertura de um espaço no centro da cidade para desenvolver a ligação à comunidade local nas mais diversas áreas, nomeadamente cultural. 2022 ficará marcado pelo regresso da “Semana do Enterro”, com os habituais concertos mas também “novidades”, em abril, depois da suspensão motivada pela pandemia.

A aposta no desporto universitário é também uma das prioridades, com Aveiro a receber as provas internacionais. A AAUAv defende mesmo a criação de um clube desportivo e espera que não hajam atrasos na construção da pista de corta mato e nova nave desportiva. Na comunicação, está em vista a criação de uma rádio universitária.

A melhoria do atendimento académico e a prática pedagógica surgem, igualmente, entre as preocupações dos estudantes “para notarmos uma mudança significativa” que se pretende extensiva, também, ao reforço “urgente” da oferta de residências universitárias. O aumento da representatividade no conselho geral é outra das reivindicações.

Em relação a competências da autarquia local, ficou o apelo para melhorar o transporte e disponibilizar incentivos para o alojamento académico.

Discurso direto

“Infelizmente o ensino superior é visto como o parente pobre do ensino em Portugal, com subfinanciamento crónico. O investimento é crucial. A fusão da Educação com a ciência, tecnologia e ensino superior tem de ser tida com cuidado” (Ver vídeo com medidas reivindicadas ao Governo).

Ver transmissão completa com intervenções do presidente da Câmara e vice-reitor da UA

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.