Estarreja: Mais de 715 mil euros de apoio municipal à atividade escolar

1267
Paços de Concelho, Estarreja.
Dreamweb 728×90 – Video I

A Câmara de Estarreja anunciou um “investimento global” de 715.250 euros para financiar atividades escolares durante o atual ano letivo.

Apoios atribuídos “em articulação com os agrupamentos de escolas de Estarreja e de Pardilhó”, continuando, assim, “a apostar na educação municipal com o objetivo de garantir a igualdade de oportunidades no acesso à educação, de suavizar os orçamentos das famílias e de contribuir para a valorização da escola pública.”

Mais de 3370 alunos frequentam o ensino público no concelho, desde a educação pré-escolar ao ensino superior.

Para além do ensino, são garantidas Atividades de Enriquecimento Escolar (AEC), a Componente de Apoio à Família (CAF), a Ação Social Escolar e alguns “projetos inovadores”.

O município, como entidade promotora das AEC e da CAF investe 109 mil euros, “com o objetivo de consolidar o conceito de “Escola a Tempo Inteiro”. Estão reunidas as condições necessárias para que os estabelecimentos de ensino do 1.º ciclo se mantenham abertos, num mínimo de 8 horas diárias, e assegurem a oferta das AEC aos alunos interessados.

338 alunos encontram-se inscritos num programa que contempla atividades na área da expressão artística e desportiva e no ensino do xadrez e da música. Na CAF há 167 alunos inscritos que podem usufruir do Acolhimento e no Apoio ao Estudo.

Os apoios sociais permitem reduzir custos das famílias nas despesas escolares dos seus filhos e inclui medidas de comparticipação económica em diferentes domínios.

A autarquia assume também a oferta dos livros de fichas e de material escolar destinados aos alunos do 1.º ciclo tendo sido distribuído 923 vouchers para material escolar e 923 para livros de fichas. Aos estudantes do 2.º ciclo, o município oferece o material escolar tendo sido distribuído 490 vouchers, totalizando assim um apoio de 80 mil euros.

A atribuição e renovação de Bolsas de Estudo do Ensino Superior, criadas em 2009, abrangem estudantes dos 17 aos 25 anos residentes no concelho (programa anual prevê a atribuição de 10 novas bolsas, com um valor mensal até 125 €, consoante o escalão, durante um período de 10 meses, correspondente ao ano letivo.) Foram solicitados 13 novos pedidos e 16 renovações totalizando um montante global de 24 750 euros.

Têm direito ao transporte escolar os alunos residentes no concelho e que se encontrem matriculados nas escolas de Estarreja.

Continuando uma aposta iniciada no ano anterior, o município investe na aprendizagem do ensino do Mandarim para os alunos dos 3.º e 4.º anos de escolaridade, num apoio financeiro de 30 mil euros.

Na área do ensino artístico, no Pólo de Estarreja do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Aveiro “continua o investimento no apetrechamento das condições de aprendizagem com a aquisição dos instrumentos musicais num valor de mais de 35 mil euros.”

Publicidade, Serviços & Donativos