Intervenção com vítimas de violência do concelho de Aveiro

1070
Porto, 05/09/2018 - Reportagem na Cáritas Porto, na Rua Latino Coelho, sobre diminuição de voluntários e de receitas nas associações. Loja da Cáritas Porto, na Rua Latino Coelho (Artur Machado / Global Imagens)

O Executivo Municipal deliberou ratificar o protocolo de cooperação entre a Câmara Municipal de Aveiro (CMA) e a Cáritas Diocesana de Aveiro, que visa a constituição e integração na Rede Especialista em Intervenção com Vítimas de Violência do Concelho de Aveiro – Protejo AGIR +.

O projeto surge no âmbito da Estratégia Nacional para a Igualdade e Não Discriminação – Portugal + Igual (ENIND) e assenta em dois pilares fundamentais: a criação de um plano de ação para a prevenção e o combate à violência doméstica, promovendo a especialização da intervenção e a qualidade e eficácia dos serviços prestados, por forma a dar uma resposta mais eficiente e concertada neste combate.

O segundo pilar passa pela criação desta rede no Município de Aveiro, tem como premissa fundamental desenvolver um modelo de atuação integrada e de cooperação intersecional face a áreas identificadas como prioritárias.

Câmara de Aveiro

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.