GNR apreendeu armadilhas ilegais para captura de aves

1031
Apreensão de armadilhas (GNR).
Comercio 780

Militares do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) de Oliveira de Azeméis da GNR apreenderam 13 armadilhas destinadas à captura de aves no concelho de Vale de Cambra.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

Durante uma ação de fiscalização ao exercício do ato venatório, elementos da Guarda detetaram uma atividade de captura de aves, através da utilização de armadilhas, vulgo alçapões.

Na altura, “foi possível apurar que o suspeito utilizava armadilhas de construção artesanal, equipadas com sistema de fecho automático, que continham comedouros para alimentação das aves a capturar”.

O comunicado da GNR adianta que o suspeito utilizava ainda outras aves como forma de chamariz, as quais eram mantidas em compartimentos fechados em algumas das armadilhas.

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

A ação em causa culminou na identificação do proprietário do terreno, um homem de 79 anos,  e na apreensão de aves (seis verdilhões, três melros, dois pintassilgos) e 13 armadilhas destinadas à captura de aves.

Os espécimes apreendidos foram entregues ao Parque Biológico de Gaia, para efeitos de recuperação e devolução ao habitat natural. Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Vale de Cambra.

A ação contou com o reforço dos militares do Posto Territorial de Vale de Cambra

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.

Comercio 780