Gastronomia Portuguesa: Do Pastel de Nata ao Bacalhau

552
Gastronomia típica portuguesa.
Comercio 780

Com a chegada de cada vez mais turistas, nómadas digitais e novos residentes estrangeiros, a gastronomia portuguesa começa, finalmente, a ganhar alguma tração entre as grandes cozinhas do mundo. Nesta viagem pelos sabores de Portugal, vamos saber quais a iguarias portuguesas que têm conquistado quem vem de fora.

Por algum fenómeno difícil de explicar, talvez apenas pelo perfil do seu povo, a gastronomia portuguesa nunca foi particularmente conhecida em todo o mundo. Isto apesar de, de forma constante, fazer parte das listas das melhores cozinhas para especialistas e cozinheiros de renome como uma das mais surpreendentes.

Nos últimos anos, porém, com o aumento do número de turistas e de estrangeiros a viver no país, esta parece ser uma realidade com os dias contados. O mercado de arrendamento em Portugal, como facilmente se comprova em rentola.pt, está cada vez mais vivo e tem sido responsável pelo contacto de milhares de novos habitantes estrangeiros com a gastronomia portuguesa.

Estes novos residentes, provenientes das mais diferentes origens, têm sido, em grande parte, responsáveis pela promoção e divulgação das iguarias lusas, que se tornaram cada vez mais apreciadas em todo o mundo.

Os sinais de que a cozinha portuguesa está na moda estão por todo o lado. Recentemente, o pastel de nata e o pastel de Belém foram eleitos a melhor iguaria do mundo. O chef Gordon Ramsey gravou um episódio dedicado à cozinha nacional. As exportações de produtos alimentares portugueses batem recordes sucessivos.

Neste artigo, vamos conhecer quais as comidas que mais furor fazem em todo o mundo e que têm encantado quem escolheu Portugal para viajar ou para viver.

Pastel de Nata e Pastel de Belém: Os Campeões

Campeões da gastronomia lusa, o pastel de nata e o versão do pastel de belém são verdadeiros fenómenos de popularidade não só em Portugal, mas em todo o mundo. Os pequenos pastéis de massa folhada, recheados de nata e polvilhados com canela e/ou açúcar em pó a gosto, proporcionam um saboroso momento de doçura e uma paragem obrigatória para quem vive ou visita o país.

Recentemente, foram eleitos pela Taste Atlas como a melhor iguaria do mundo e o aumento da sua notoriedade é perfeitamente visível. Pela internet pululam milhares de vídeos de estrangeiros a experimentar o pastel de nata ou de Belém com uma reação de surpresa e de profunda satisfação e a recomendar a mesma experiência a quem assiste.

Frango Assado e Piri-Piri: Um Duo Surpreendente

O frango assado tem sido outra das agradáveis descobertas da cozinha portuguesa por estrangeiros. Aliado ao seu fiel companheiro português, o molho picante piri-piri, o frango assado tem conquistado o coração de todos os estrangeiros no país, sendo apontado por muitos como uma das suas refeições preferidas.

Esta descoberta de uma forma aparentemente de comer frango tem levado ao renascimento de churrasqueiras em várias cidades portuguesas e à exportação do piri-piri. Este último, relativamente desconhecido lá fora, começa a ganhar alguma visibilidade junto do universo dos temperos picantes, com uma fama que pode agora ser comparada à do chili ou à da sriracha.

Francesinha: Uma Delícia que Veio do Norte

Do norte do país, mais concretamente da região do Porto, chega um fenómeno muito recente no mercado internacional: a francesinha. Prato banal para qualquer portuense e nortenho, tem sido anunciado ao mundo pelos diversos expatriados em solo luso que a consideram uma experiência de sabores fortes.

O segredo do sucesso da francesinha é as várias camadas de pão, queijo, chouriço, salsicha e bife, bem regadas por um molho cremoso e acompanhadas por batatas fritas douradas. Mais uma vez, uma ida aos restaurantes do Porto ou uma pesquisa rápida pela internet são mais do que suficientes para ter noção da nova popularidade de que a francesinha goza.

Bifana: O Representante da Taberna Portuguesa

Nenhuma viagem às principais iguarias da gastronomia poderia estar completa sem a bifana portuguesa. A melhor representante da taberna ou tasca portuguesa tem conquistado o paladar estrangeiro através dos seus surpreendentes sabores.

A bifana, uma tradicional carcaça portuguesa aberta ao meio com bife de porco frito condimentado com piri-piri e pimentos e abundantemente regada com o molho da frigideira, é um dos maiores embaixadores da comida de taberna portuguesa. Prática e simples de comer, é um dos petiscos mais famosos do país e um convite ao convívio entre amigos e a um serão bem passado.

Bacalhau Para Todos

Fechamos como começámos, com um clássico. O bacalhau é, talvez, a comida mais portuguesa de todas e é um verdadeiro pitéu para os estrangeiros que visitam ou habitam as cidades e vilas portuguesas. Presente no menu de praticamente todos os cafés e restaurantes de todo o país, é um prato para todas as ocasiões e para todas as estações.

Em Portugal, do bacalhau diz-se que há 1001 receitas. Seja à Brás, com Natas, à Zé do Pipo, à Lagareiro ou sob a forma de pastel ou patanisca, o bacalhau português tem conquistado os corações internacionais e começa a trepar várias posições nas listas das melhores comidas do mundo.

Publicidade, serviços e donativos

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços em NotíciasdeAveiro.pt.

Aceder a plataforma online.

O Notícias de Aveiro tem canais próprios para informação não jornalística como é o caso deste artigo »» ler estatuto editorial.