Futebol distrital: BM vence Alba (3-1) e reforça liderança isolada mercê de empate do Ol. do Bairro

445
Beira-Mar - Alba (Foto de Fernando Vinagre).
Dreamweb 728×90 – Video I

O Beira-Mar manteve-se invicto na zona sul do campeonato Sabseg ao derrotar, este domingo, no seu reduto, o Alba (3-1), a contar para a oitava jornada, e reforçou a liderança, agora com 24 pontos, beneficiando do empate, sem golos, entre Bustelo e Oliveira do Bairro (segundo classificado com 20 pontos)

Ficha do jogo via AFA TV ou FPF/AFA.

O apito inicial foi precedido de um minuto de silêncio pelo falecimento do antigo jogador beiramarense Luís Simões, esta semana, aos 60 anos.

Minuto 13 foi de azar para o Alba

Os aveirenses, que se apresentaram sem alterações no onze, colocaram-se em vantagem aos 13 minutos na conversão de uma grande penalidade assinalada por ‘carga’ de Guedes sobre Diogo Tavares, quando aparecia na grande área desmarcado por Rafa Santos. O próprio extremo que sofreu a falta encarregou-se do ‘castigo máximo’, apontando o seu oitavo golo na prova. Os visitantes ficaram a queixar-se, uma vez que o lance desenrolou-se com um dos seus homens caído.

Apesar de ficar muito cedo com ‘a manta mais curta’, o Alba, que vinha de uma sequência de três derrotas, conseguiu resistir ao natural maior assédio atacante dos locais em busca do segundo golo e atreveu-se, quando pôde, para tentar reduzir a desvantagem, mas sem consequências de maior.

Do lado contrário, um cabeceamento junto à trave de Marcelo Santiago, na sequência de um canto da direita, ao esgotar a primeira parte, foi a melhor oportunidade das escassas criadas.

Ao intervalo, o Beira-Mar prestou homenagem ao seu antigo avançado Nartanga, falecido em maio de 2019, um jogador que depois de deixar o clube aveirense envergou durante várias épocas a camisola do Alba. A oportunidade serviu ainda para um ‘aplauso’ de reconhecimento aos atletas beiramarense Filipa Cancela e Jorge Silva, novos campeões nacionais de atletismo nas suas categorias (Masters), ambos em 200m e 400m.

No arranque da segunda parte, Ricardo Maia lançou Sacra para o lugar de Dimitri em busca de mais velocidade. Ao minuto 51, o Beira-Mar ampliou a vantagem. Rui Sampaio desferiu um pontapé de meia distância, o guarda-redes Marco Pais correspondeu com uma defesa incompleta e Rafa Santos, oportuno, surgiu na pequena área a atirar para o fundo da baliza, apontando o seu primeiro golo.

Resende reduz com golo espectacular

Apesar das dificuldades o Alba não desistiu e reduziu pouco depois. Antes, Diogo Almeida foi chamado a uma defesa ‘apertada’ após cruzamento da direita. Na investida seguinte dos visitantes, Gonçalo Resende galgou terreno pela direita e, perto da quina da grande área, rematou sem dar hipótese ao guarda-redes aurinegro, fazendo um golo com nota artística, o segundo da sua autoria na prova.

Aos 57 minutos, do lado contrário, seria Marco Pais a impedir o ‘bis’ de Rafa Fonseca, que rematou com a baliza à mercê.

Diego Tavares deu a ‘estocada final’ na partida aos 83 minutos, na sequência de um canto da direita, convertido por Artur. O experiente central fez de cabeça o seu primeiro golo esta época, ao quinto jogo disputado, dando expressão a um resultado construído com uma exibição ‘suficiente mais’ dos aurinegros, precedendo a deslocação a Oliveira do Bairro, previsivelmente mais complicada, no reencontro com o seu ex-técnico Cajó, que levou a equipa ao Campeonato de Portugal.

Mais informações obre o campeonato Sabseg.

Publicidade, Serviços & Donativos

Para conhecer e ativar campanhas em NoticiasdeAveiro.pt, assim como conhecer / requisitar outros serviços e fazer donativos, utilize a nossa plataforma online.