Feira: Apoio à Cultura

683
Imagem do site da CM de Santa Maria da Feira.

A Câmara Municipal de Santa Maria da Feira tem abertas, até 15 de setembro, as candidaturas às medidas 1 e 2 do Programa de Apoio à Cultura (PAC), destinadas a apoiar projetos culturais e artísticos a realizar até 31 de dezembro ou já realizados no decurso deste ano. Podem candidatar-se associações e cooperativas locais de âmbito cultural, bem como artistas independentes do território.

Com a abertura de todas as medidas do PAC os agentes culturais e criativos locais passam a ter ao seu dispor um envelope financeiro global de 300 mil euros, designadamente 230 mil para apoio a criações e programação (medidas 1 e 2) e 70 mil destinados a atividades pontuais (Medida 3, aprovada em abril).

Enquadrado nos três eixos fundamentais da política cultural do Município – expandir o acesso, fomentar oportunidades e criar conexões – o PAC visa, por um lado, proporcionar condições aos agentes culturais para que desenvolvam projetos e, por outro, fomentar a oferta cultural, a democratização do acesso à cultura e aos bens culturais, a participação ativa da população na construção do capital cultural do território e a formação dos agentes culturais locais.

“Consideramos pertinente a abertura destas duas medidas, com efeitos retroativos, para garantir que os agentes culturais possam não apenas candidatar projetos e atividades vindouros, a concretizar no último trimestre do ano de 2022, como possibilitar o enquadramento de projetos e atividades já executados no ano em curso”, explica o vereador da Cultura, Gil Ferreira, sublinhando “a necessidade imperativa de robustecer esta área de atividade do território”.

A Medida 1 (Criação Local – subprogramas 1.1 e 1.2) centra a sua área de intervenção na promoção de ações que fortaleçam a identidade e o posicionamento cultural de Santa Maria da Feira, através de atividades de criação, difusão ou edição, na dimensão da cultural popular e/ou contemporânea, que valorizem o património material e imaterial, bem como os recursos endógenos do concelho.

A Medida 2 (Parcerias de Programação – subprograma 2.2) foca-se em dois eixos: a promoção de ações ou atividades de programação que dinamizem a identidade e a memória coletiva do território e fomentem o desenvolvimento de públicos; e a promoção de ações ou atividades de ensino não formal nas áreas da música, teatro, dança, artes de rua e circo contemporâneo, que promovam a coesão social e a literacia artística e estética.

Em ambas as medidas serão valorizados projetos ou atividades que contribuam para o desenvolvimento de competências socioemocionais; que sejam inovadores e potenciem o binómio artes e tecnologia; que contribuam para a qualidade de vida das comunidades e evidenciem um alinhamento com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Câmara de Santa Maria da Feira

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.