Direção do Beira-Mar assume mudança de treinador em busca de“mais estabilidade”

1532
Imagem do Facebook do Beira-Mar.

A direção do Beira-Mar elogia o trabalho de Cajó, especialmente nas duas últimas épocas, que culminou com o regresso ‘aos nacionais’, mas assume que partiu do clube a decisão de mudar de treinador.

“Depois de auscultados os principais decisores, nomeadamente dirigentes, mas também quem trabalha diretamente com o futebol e algumas sensibilidades dentro do grupo, sentimos que, numa época que se afigura difícil, precisamos de ter confiança desde o início”, explicou Afonso Miranda, presidente adjunto.

Apesar de Cajó ter dito que está preparado para treinar “em qualquer campeonato”, a direção do clube aurinegro foi mais cautelosa, levando em conta que o jovem técnico “é desconhecedor do Campeonato de Portugal (CdP)”, entenda-se por isso a ausência de experiência no escalão.

“Estamos muito agradecidos, mas considerámos que não colhia a confiança de todos e queremos começar a nova época com estabilidade”, resumiu Afonso Miranda, destacando “a muita elevação” com que o assunto foi tratado entre as partes.

Numa altura em que já “está quase fechado” o orçamento para a 2019-2020 “para cumprir mais uma época sem deixar nada a dever a ninguém”, a direção começou também “a falar com algumas pessoas” para encontrar o sucessor de Cajó, “mas não está nada decidido”.

Mesmo sem ‘entrar em loucuras’, Afonso Miranda acredita que “a capacidade atrativa” do Beira-Mar, por exemplo para empréstimos de jogadores, “incluindo de grandes equipas” ou cedências no âmbito de parcerias poderá ajudar a formar “uma equipa competitiva que seja bem liderada” e capaz de disputar todos os jogos. “Existem bons exemplos de equipas com orçamentos curtos que têm bons resultados”, referiu o presidente adjunto, dando o exemplo do Espinho na presente época (CdP).

Quanto ao futuro treinador, “não é determinante que seja alguém que tenha passado pelo clube, agora ter experiência no CdP sim”, disse Afonso Souto, desmentindo o nome do antigo jogador aveirense Ricardo Sousa (treinador Felgueiras), que muitos adeptos se apressaram a inscrever como preferido nas reações nas redes sociais.

Artigo relacionado

Cajó não vai continuar no Beira-Mar

Publicidade, Serviços & Donativos