Detido suspeito de oito incêndios florestais na zona da Bairrada

916
Polícia Judiciária.
Comercio 780

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem suspeito de ‘fogo posto’ em zonas florestais de localidades pertencentes aos concelhos de Cantanhede e Mealhada.

A Diretoria do Centro contou com a colaboração do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro e o Grupo de Trabalho para a Redução de Ignições em Espaço Rural do Centro para identificar o suposto incendiário.

Trata-se de um homem, de 68 anos, solteiro, aposentado, que está indiciado por oito crimes de incêndio florestal ocorridos entre os meses de fevereiro e junho deste ano, sendo o último no dia 26 de junho.

“O suspeito, com uso de chama direta (isqueiro), ateou os incêndios na floresta, em zonas com vasta mancha florestal com centenas de hectares, com continuidade vertical e horizontal, confinante com a zona urbana, que teria proporções mais gravosas caso não tivesse havido uma rápida e decisiva intervenção dos meios de combate”, refere o comunicado.

Segundo a PJ, que não avança motivações da atuação, “o suspeito colocou em perigo a integridade física e a vida de pessoas, habitações e a grande mancha florestal.”

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por convenientes.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.