Cerâmica Maiólica de Albergaria-A-Velha apresentou-se à insolvência

4465
Maiólica, Albergaria-A-Velha.
Smartfire 728×90 – 1

A cerâmica Maiólica, em Albergaria-a-Velha, avançou mesmo com o pedido de insolvência no Tribunal do Comércio da Comarca de Aveiro.

O requerimento entrou esta semana, confirmando a possibilidade anunciada há uma semana atrás aos cerca de seis dezenas de colaboradores invocando problemas financeiros.

A empresa suspendeu a produção de louça, ao que foi dito na altura pela gerência, devido ao corte de abastecimento de gás por falta de pagamento.

Os trabalhadores, que não receberam o salário relativo ao mês de janeiro, vigiaram as instalações para evitar a retirada de mais materias, depois da saída de moldes.

O ano passado a fábrica teve um corte no fornecimento de electricidade por incumprimento nos pagamentos mas a laboração foi retomada.

A Maiólica é participada por uma cerâmica, com sede na zona de Oliveira do Bairro, e tem ligações por via da gerência a outra fábrica em Aveiro com capital francês.

As empresas em causa são apresentadas no pedido de insolvência como credoras, assim como a EDP e a Segurança Social.

Artigo relacionado

Albergaria-A-Velha: Cerâmica fecha portas / 50 funcionários com futuro incerto

Publicidade, Serviços & Donativos