Boa gestão da Câmara de Águeda garante financiamento suplementar

598
Escola Básica das Chãs, Águeda.
Dreamweb 728×90 – Video I

A boa gestão e o bom desempenho da Câmara de Águeda na aplicação dos diversos fundos (nacionais e comunitários) permitem o acesso a financiamentos suplementares, como é exemplo o mais recente, esta semana, de mais de 434 mil euros, no âmbito do FEDER do Programa Operacional do Centro, que vai apoiar as obras já realizadas de requalificação e ampliação da Escola Básica das Chãs.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

“São as nossas boas contas, o equilíbrio e disponibilidade financeira que temos que nos permitem avançar com empreitadas necessárias no concelho mesmo antes de qualquer garantia de financiamento”, disse Jorge Almeida, Presidente da Câmara de Águeda, acrescentando que o bom desempenho que o Município tem na gestão dos fundos permite aceder a apoios para obras que até nem teriam comparticipação.

Foi o exemplo da Escola das Chãs, uma intervenção assumida pelo Município de Águeda, inaugurada em setembro e que agora recebe 85% de comparticipação pelo investimento já realizado.

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

“Este é mais um exemplo e a forma correta de funcionar, indo à frente nos investimentos, alguns urgentes e inadiáveis, como a EB das Chãs, e depois procurar financiamentos que vão ajudar no equilíbrio financeiro e permitir responder a outras necessidades de obras”, declarou Jorge Almeida.

Refira-se que a EB1 das Chãs reabriu em setembro, após um ano de uma intervenção profunda. As obras, que comportaram um investimento de 604 785,98 euros, incluíram a melhoria das condições de salubridade e qualidade da infraestrutura, que estava bastante degradada, bem como a ampliação do refeitório (de 96 para 203 metros quadrados) e da área coberta do logradouro.

Com esta intervenção, há uma melhoria substancial no espaço de refeições para os alunos e para a preparação e condicionamento dos alimentos.

A obra, que se traduziu uma ampliação de quase 80 metros quadrados, implicou ainda o tratamento, reparação e impermeabilização e pintura das paredes exteriores e interiores, assim como a reparação e isolamento térmico do telhado e cobertura do edifício. Foram ainda criados sanitários de apoio aos professores e funcionários.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.

Comercio 780