Aveiro: Suspeito de assaltos em silêncio no Tribunal

389
Tribunal de Aveiro.

Um homem atualmente detido começou a ser julgado no Tribunal de Aveiro pela autoria de diversos furtos que tiveram como ‘alvos’ viaturas, gasolineiras e um estabelecimento comercial. No início da audiência, confrontado com a acusação, remeteu-se ao silêncio.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

Ao indivíduo natural de Oliveira do Bairro com cerca de 40 anos são imputados furtos ocorridos em 2023, nomeadamente de viaturas em Oliveira do Bairro, Aveiro, Vagos e Oliveira de Azeméis que abandonava depois de utilizar nas deslocações (algumas foram recuperadas no Norte do País, onde o arguido mantinha residência).

Num período de sete meses, há indicações que abasteceu combustível sem pagar em várias localidades por onde transitava (Vagos, Albergaria-A-Velha, Aveiro e Ovar), utilizando muitas vezes autoestradas sem pagar portagens.

Na lista de crimes figura um assalto a uma livraria em Ílhavo, de onde levou um telemóvel e tabaco. Fez, ainda, pagamentos de centenas de euros utilizando cartões multibanco de uma pessoa a quem terá furtado a carteira.

Seria detido na cidade de Aveiro pela PSP a circular com uma viatura furtada. A GNR assumiu as investigações, tendo encaminhado para o processo, entre outras provas, imagens de vídeo vigilância onde identifica a presença do arguido nos locais.

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.