Aveiro: PS esperava Junta de Freguesia de Eixo e Eirol mais realizadora

1535
Antiga EN 230, Eixo, concelho de Aveiro.
Comercio 780

“A maior parte das propostas passa de um ano para o outro”. O PS esperava mais capacidade de execução da Junta de Freguesia de Eixo e Eirol (maioria PSD-CDS-PPM). Apesar do aumento do orçamento para 2024, “no global do respetivo, o executivo continua com a postura de falta de investimento na Freguesia”.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

A crítica é assumida numa tomada de posição do PS após a aprovação do plano e orçamento para 2024, o qual apresenta “uma transição de verbas elevada, o que demonstra, uma vez mais, uma capacidade de execução baixa quando na Junta é necessário dar resposta a algumas carências”.

Os socialistas lamentam que a maioiria não tenha levado em conta propostas para resolver “alguns problemas” da freguesia. A construção do armazém da Junta para materiais e equipamentos, por exemplo, continuará em fase de elaboração do projeto, “que já vem de 2023”.

Outras obras necessárias:

» Corredor pedonal e ciclável entre Eixo e Eirol de forma a criar condições de segurança na utilização de modos de mobilidade suave e não foi considerada;
» Desenvolver em Azurva a ligação rodoviária entre a Rua do Cabeço Serrano e a Rua dos Macocos»
» Execução com caráter de urgência de obras de repavimentação em arruamentos que apresentam elevado grau de degradação da camada de desgaste e outras com a totalidade do piso completamente degradado;
» Conclusão de troços de saneamento básico em falta.

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.

Comercio 780