Aveiro: Armazém impede melhoria do acesso junto à escola das Barrocas

411
Barrocas, Aveiro.
Dreamweb 728×90 – Video I

A empresa proprietária de um edifício usado como armazém junto à escola básica das Barrocas recusou uma proposta de aquisição da Câmara de Aveiro, que pretende criar um logradouro naquela zona.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

Artigo relacionado

Alteração ao Estudo Urbanístico das Agras do Norte

O município ainda chegou a oferecer 700 mil euros pelo edifício que seria para demolir. O dono pediu o dobro e impediu o entendimento. “Lutámos muito, as não havia acordo possível por 1,4 milhões de euros”, explicou o presidente da Câmara na última reunião do executivo quando se discutia uma proposta de ‘Alteração ao Estudo Urbanístico das Agras do Norte’.

Ribau Esteves acrescentou que a Câmara continuará a lutar para deitar “abaixo” o armazém, o que permitirá melhorar a acessibilidade à escola, aumentar o espaço verde e enquadrar melhor as construções previstas para as imediações.

A alteração urbanística aprovada prevê “alguns ajustamentos de pormenor” com proprietários de terrenos que foram permutados pela autarquia aquando da construção da avenida Agras do Norte, entretanto batizada de Avenida 25 de novembro, uma zona que tem conhecido “um relançamento de procura para construção”.

Artigo relacionado

Novo investimento de 2,1 milhões de euros para requalificar e ampliar da Escola Básica das Barrocas

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.