Apreendidos 104 quilos de bivalves sem cumprir normas obrigatórios

650
Apreensão de bivalves (GNR).

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Aveiro, apreendeu, ontem, 104 quilos de bivalves na Gafanha da Nazaré, no concelho de Ílhavo.

No âmbito do controlo do cumprimento das regras de transporte e comercialização de bivalves, os militares da Guarda fiscalizaram uma viatura que transportava 104 quilos de amêijoa-macha, “sem documento de registo e de transporte obrigatórios, o que não permitia determinar a origem dos bivalves, nem o cumprimento das normas obrigatórias relativas à rastreabilidade, havendo assim possibilidade de se constituírem um perigo para a saúde pública”.

No decurso da ação foi identificado o condutor da viatura, um homem de 46 anos, e elaborado o respetivo auto de contraordenação.

Por último, a Guarda Nacional Republicana alerta que “a captura deste tipo de bivalves, sem que os mesmos sejam sujeitos a depuração ou ao controlo higiossanitário, pode colocar em causa a saúde pública caso sejam introduzidos no consumo, devido à possível contaminação com toxinas, sendo o documento comprovativo da origem do bivalve fulcral para a prevenção da introdução de forma irregular no consumo”.

Publicidade, Serviços & Donativos

Para conhecer e ativar campanhas em NoticiasdeAveiro.pt, assim como conhecer / requisitar outros serviços e fazer donativos, utilize a nossa plataforma online.